Moradores ganham isenção de taxa na nova via olímpica

A prefeitura decidiu que quem mora a até 2 quilômetros da alça de acesso pela Estrada do Rio Grande não pagará pedágio para ir até o Recreio

Por O Dia

Rio - O consórcio ViaRio, responsável pela construção e operação da Transolímpica, que ligará o Recreio dos Bandeirantes a Deodoro, deve começar, em março, a cadastrar os moradores de parte da Taquara que terão isenções de pedágio na nova via expressa. A prefeitura decidiu que quem mora a até 2 quilômetros da alça de acesso pela Estrada do Rio Grande não pagará pedágio para ir até o Recreio. Já no sentido Deodoro, em que se utiliza um trecho maior da via, a cobrança será normal. A empresa estima que até 35 mil veículos serão cadastrados.

Dos 25 quilômetros da Transolímpica, 13 quilômetros são de via expressa e sob concessão da ViaRio. O valor do pedágio será o mesmo do cobrado na Linha Amarela, que atualmente está em R$ 5,90. A lei aprovada na Câmara de Vereadores em setembro, que dá isenção do pagamento da viagem de retorno dentro do prazo de duas horas, também vale na nova via expressa.

De acordo com a ViaRio, até o fim do ano, 87% das obras deverão estar concluídas, e a inauguração está prevista para o primeiro semestre de 2016. A via terá ainda um corredor BRT, com 18 estações e três terminais.

Últimas de Rio De Janeiro