Policial militar é assassinado em Irajá

Terceiro-sargento Euller Mamede da Silva Gonçalves, do 41ºBPM (Irajá), deixava o trabalho quando foi morto

Por O Dia

Rio - Um policial militar foi assassinado, na madrugada desta terça-feira, na Rua Turiana, próximo a comunidade Malvina, em Irajá, na Zona Norte do Rio. O terceiro-sargento Euller Mamede da Silva Gonçalves, de 41 anos, foi morto quando retornava do trabalho para sua casa.

Lotado no 41ºBPM (Irajá)%2C o policial Euller Mamede da Silva Gonçalves%2C de 41 anos%2C foi morto quando deixava o trabalho na manhã desta terça-feiraReprodução

Mamede, que era lotado no 41° BPM (Irajá), trabalhava em uma patrulha motorizada especial em Anchieta, também na Zona Norte, que tem turnos e locais diferenciados, por isso, o agente saiu do serviço durante a madrugada. Agentes da Delegacia de Homicídios (DH) da Capital realizaram uma perícia no local e buscam por testemunhas. O terceiro-sargento era solteiro e estava há 15 anos na corporação.

Últimas de Rio De Janeiro