Uma bike é roubada a cada dois dias na cidade do Rio

Em Laranjeiras, ciclistas reclamam da ousadia dos ladrões

Por O Dia

Lucas Vieira só prende sua bike com cadeado reforçado após furtoAline Cavalcante

Rio - Amarre e tranque bem sua bicicleta, pois uma bike é roubada no Rio a cada dois dias. Segundo o Instituto de Segurança Pública (ISP), no período de julho a novembro de 2015 foram registrados 61 roubos e furtos de bicicletas. Já o Cadastro Nacional de Bicicletas Roubadas divulgou que, de janeiro de 2015 a janeiro deste ano, somente na cidade do Rio, foram 149 bicicletas furtadas ou roubadas, ficando em segundo lugar no ranking nacional, perdendo apenas para São Paulo.

Laranjeiras — bairro onde câmeras flagraram furto à luz do dia em caso mostrado este fim de semana pelo O DIA — deu muita dor de cabeça a Luis Augusto, 35. Ele já ‘perdeu’ três magrelas para a bandidagem da região. “É frustrante chegar e não ver sua magrela no lugar que você deixou. Registrei ocorrência duas vezes, mas na última deixei pra lá.”

O estudante Mauro Cutrim, 19, foi furtado duas vezes. Depois disso ele toma alguns cuidados. “Ando com uma bike velha e agora só deixo ela em lugares movimentados”, afirma. Lucas Vieira, 25, também ficou mais atento. “A base em que eu prendi a bicicleta estava solta, mas só me dei conta depois, que não encontrei minha bicicleta. Agora eu confiro antes e tenho um cadeado reforçado.”

A Polícia Militar informou que os batalhões estão atentos à segurança nas ciclovias e realizam o patrulhamento através de rondas de motocicletas, viaturas e policiais a pé e de bicicleta.

De acordo com a Polícia Civil, o registro da ocorrência é o primeiro passo para tentar recuperar sua bicicleta. É importante também sempre guardar em casa a nota fiscal de compra e o número de série (chassi) do seu quadro. São documentos essenciais para identificação em uma possível recuperação do objeto.

Últimas de Rio De Janeiro