Por gabriela.mattos

Rio - O presidente da Fundação RioZoo, Sergio Luiz Felipe, foi detido por agentes da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), no fim da tarde desta segunda-feira. De acordo com a DPMA, os policiais encontraram 160 kg de carne vencidos dentro do Zoológico, que seriam utilizados para consumo. 

Além disso, eles apreenderam medicamentos fora da validade e quatro espingardas de diversos calibres, sem registro, em um armário dentro do hospital veterinário. O presidente foi conduzido à DPMA para prestar depoimento.

LEIA MAIS: Ibama interdita o Zoológico do Rio

MP acusa autoridades de descaso com zoo e pede indiciamento de secretário

'É uma falha grave do meu governo', diz Paes sobre fechamento de zoológico

Ibama interditou o Zoológico do Rio no último dia 15Estefan Radovicz / Agência O Dia

No último dia 15, o Zoológico do Rio foi interditado pelo Ibama. De acordo com o instituto, os parques têm que cumprir funções sociais que justifiquem sua existência, entre elas, educacionais, científicas e de conservação das espécies animais. No entanto, para o Ibama, o Zoológico do Rio, apesar de no passado ter sido pioneiro na reprodução de espécies ameaçadas de extinção como ararajubas, hoje não tem mais condições de receber o público.

Você pode gostar