Polícia Federal apreende 196 mil euros escondidos em malas de colombianos

Homens desembarcaram no Galeão vindos do Panamá com fortuna de quase R$ 1 milhão em fundos falsos da bagagem

Por O Dia

Rio - A Polícia Federal apreendeu nesta quinta-feira no Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, 196 mil euros escondidos no fundo falso de duas bagagens. De acordo com a PF a origem do dinheiro é desconhecida.

O Panamá é um paraíso fiscal que já foi usado como rota de tráfico de drogas pelos cartéis de Medellin e Cali, na Colômbia, assim como para lavagem de dinheiro.

O montante estava na bagagem de dois colombianos que viajavam juntos%2C e viam do PanamáPolícia Federal / Divulgação

Os colombianos — cujas identidades foram mantidas em sigilo pela Polícia Federal — haviam desembarcado quando as malas foram inspecionadas pelo raio-X. A inspeção revelou o fundo falso na primeira mala, onde estavam escondidos 100 mil euros (cerca de R$ 450 mil). Na segunda mala, também em um fundo falso, foram encontrados 96 mil euros (cerca de R$ 430 mil).

Quantia estava em mala vinda do Panamá Polícia Federal / Divulgação

Os homens não souberam informar a procedência do dinheiro, que foi apreendido e encaminhado para a Receita Federal. Os colombianos foram liberados em seguida, sem maiores constrangimentos.

Últimas de Rio De Janeiro