Taxistas fazem protesto no Rio

Motoristas protestam contra o serviço Uber e exigem da prefeitura do Rio mais concessão de autonomias

Por O Dia

Rio - Taxistas protestaram nesta quinta-feira contra o serviço do aplicativo Uber. No início da manhã, uma enorme carreata saiu de Copacabana, na Zona Sul da cidade, passou pelo Aterro do Flamengo e Aeroporto Santos Dumont, seguindo para a porta da Prefeitura do Rio, na Cidade Nova, no Centro.

Integrantes da categoria também seguiram de outros pontos da cidade, como Ilha do Governador e Glória, para o prédio do Executivo municipal. No início da manhã, cerca de 20 táxis estavam reunidos em frente á Prefeitura.

GALERIA: Confira mais fotos do protesto dos taxistas

Taxistas fazem protesto contra o Uber no Rio nesta quinta-feiraSeverino Silva / Agência O Dia

Além do fim da concorrência com o Uber, que foi liberado por decisão da Justiça, taxistas também reclamam que muitos têm de trabalhar só para pagar diária. Eles pedem à Prefeitura a concessão de novas autonomias.

Áudio revela convocação de taxistas: 'A porrada vai comer'

?Circula através do WhatsApp arquivos de áudio de uma suposta conversa entre taxistas onde eles estariam planejando atos contra motoristas do aplicativo Uber nesta quinta-feira, véspera da abertura oficial do Carnaval do Rio. O DIA teve acesso a três destas mensagens. Em uma delas, um homem, cuja identificação é desconhecida, conta que o "rolezinho" será em um posto de combustíveis da Rua Real Grandeza, em Botafogo, na Zona Sul, onde motoristas do Uber estariam reunidos. No local, os taxistas fariam um protesto e aproveitariam para "tacar fogo" e depredar o carro de motoristas do Uber.

O homem faz críticas a Pedro Paulo Carvalho, secretário executivo de coordenação de governo da Prefeitura, que teria faltado reunião com taxistas, enviando um assessor para o representar. No áudio, o homem fala que "a porrada vai comer".

ÁUDIO: Ouça a convocação na suposta conversa entre taxistas

Últimas de Rio De Janeiro