Por thiago.antunes
Rio - Os postos de atendimento da Prefeitura no Sambódromo e Terreirão do Samba já atenderam 466 pessoas até as 2h do segundo dia de desfile do Grupo Especial. Deste total, oito precisaram ser transferidas para hospitais da rede municipal.
A Secretaria Municipal de Saúde recomenda aos foliões que estão assistindo aos desfiles das escolas de samba no Rio de Janeiro que bebam bastante água. É importante que haja moderação na ingestão de bebidas alcóolica. Para aqueles que fazem uso de medicamento regular é fundamental não deixar de tomar o remédio.