Freixo diz que esquerda 'tem que ter responsabilidade' para disputar eleições

Pré-candidato evita falar em aliança com PT, mas não descarta acordo baseado 'na construção de programas de governo'

Por O Dia

Rio - Pré-candidato do Psol à Prefeitura do Rio, o deputado estadual Marcelo Freixo diz que a esquerda “tem que ter responsabilidade” para garantir a presença de um de seus representantes no segundo turno da disputa.

Ele evita falar numa aliança com o PT e o PCdoB, ressalta que os dois partidos participaram da gestão de Eduardo Paes, mas não descarta a possibilidade de um acordo baseado “na construção de programas de governo”. “Não aceitamos o jogo de troca de horário de TV por cargos num futuro governo”, diz.

Tempo petista
Por ter eleito a maior bancada de deputados federais em 2014, o PT terá direito a cerca de quatro minutos diários na propaganda eleitoral na TV. O Psol, se não fizer alianças, ficará com 15 segundos.

Em outras contas
Secretário de Fazenda, Julio Bueno diz que o estado só tem, na conta do Tesouro, entre R$ 40 milhões e R$ 50 milhões — e são necessários R$ 650 milhões para pagar aposentados e pensionistas. Segundo ele, a Justiça poderá pegar dinheiro em contas destinadas a obras como a do metrô. “A Justiça pode fazer isso; eu não. Se eu fizer, serei preso”, diz.

Doações 1
O grupo Mulheres Parceiras da Polícia Militar, composto por parentes de PMs, lança hoje campanha de arrecadação de alimentos não perecíveis para ajudar inativos que, por conta da falta de pagamento, passam por dificuldades.

Doações 2
Num primeiro momento, cerca de 250 aposentados com necessidades específicas — remédios raros e próteses — serão os beneficiados. As doações, que serão feitas principalmente por policiais que estão na ativa, foram discutidas com o Comandante da Polícia Militar, coronel Edson Duarte dos Santos Junior.

Últimas de Rio De Janeiro