Por thiago.antunes
Rio - Foi preso na tarde desta ter√ßa-feira, o quinto jovem acusado de assassinar o adolescente Wellington Braz da Silva, de 17 anos, que assistia a um show na √ļltima edi√ß√£o do Virad√£o Carioca, em Nova Igua√ßu, na Baixada Fluminense. O caso aconteceu no dia 14 de abril, no Aeroclube da cidade.
Lucas foi preso perto da casa de vítimaDivulgação

De acordo com policiais da 52¬™ DP (Nova Igua√ßu), Lucas Fernandes, o Ti√£o, de 19 anos, foi encontrado numa casa da Rua Diamantina, no bairro de Jardim Igua√ßu. Segundo eles, o local fica a um quil√īmetro da casa de Lucas.

‚ÄúOuvimos v√°rias testemunhas e todas disseram que o Lucas √© o mais cruel e foi ele que deu mais golpes no jovem. Era o mais perverso e agressivo. Ele j√° vinha sendo monitorado e n√£o resistiu‚ÄĚ, afirmou o chefe do Setor de Investiga√ß√£o da Delegacia de Nova Igua√ßu, Juarez J√ļnior.

Wellington foi enterrado em MesquitaDivulgação

Um outro rapaz foi preso e outros tr√™s menores tamb√©m j√° foram apreendidos dias ap√≥s ao crime. Lucas era o √ļltimo acusado que estava sendo procurado pela pol√≠cia.

Segundo a polícia, a morte de Wellington, foi provocada por uma rixa entre grupos de jovens moradores de dois bairros de Nova Iguaçu: Moquetá (onde morava Wellington) e Jardim Iguaçu.

Os acusados serão indiciados por homicídio.