Liminar reabre maternidade e da UTI neonatal do Antônio Pedro

‘Informe do DIA’ denunciou fechamento de áreas do hospital

Por O Dia

A Justiça Federal concedeu, na manhã deste sábado, liminar favorável à reabertura da maternidade e da UTI neonatal do Hospital Universitário Antônio Pedro (Huap), em Niterói. O fechamento foi divulgado com exclusividade por Fernando Molica na ‘Informe do DIA’. Sexta-feira à tarde, o diretor da unidade, Tarcísio Rivello, encaminhou um fax para a Secretaria Municipal de Saúde comunicando a decisão de suspender os atendimentos.

O município entrou com a liminar no plantão judiciário solicitando a reabertura. O parecer favorável foi dado pelo juiz Cássio Murilo Monteiro, do 8º Juizado Especial Federal. “Quem se propõe a ser gestor de saúde, tem que enfrentar os problemas que surgem. Foi uma medida equivocada e sem consulta à prefeitura, ao Estado. Não é fechando os setores que se resolvem os problemas”, disse o secretário municipal de Saúde de Niterói, Chico D’Angelo.

O Huap pertence à Universidade Federal Fluminense (UFF). No fax, o diretor da unidade alegou que havia risco de infecção, porque as unidades intensiva e intermediária têm capacidade para receber 15 bebês, e há 18 internados.

Últimas de _legado_Rio