Obras de esgotamento sanitário do Eixo Olímpico são iniciadas na Barra

Secretaria Estadual do Ambiente e Cedae realizam vistoria às obras com associações de moradores e ambientalistas

Por O Dia

Rio - Começam nesta quarta-feira a etapa principal das obras de esgotamento sanitário do Eixo Olímpico, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade. A obra é realizada pela Cedae e a Secretaria Estadual do Ambiente. Amanhã, durante a vistoria às obras, será iniciada a etapa conhecida como “jet grouding”, onde uma grande perfuratriz abre um túnel e faz a concretagem do mesmo simultaneamente.

"O saneamento da Barra e de Jacarepaguá é, antes de ser compromisso olímpico ,um compromisso com o ambiente e a qualidade de vida na região. Estas obras que iremos vistoriar representam a peça mais estratégica do que falta executar e o ponto nevrálgico do saneamento nas áreas em que ocorrerão as competições olímpicas e já temos os recursos e projetos para concluirmos todo o saneamento até final de 2015", informou o secretário do Ambiente, Carlos Minc.

Secretário do Meio Carlos Minc e presidente da Cedae estiveram no localSeverino Silva / Agência O Dia

As obras, orçadas em R$ 70 milhões e com 40% dos trabalhos já concluídos, serão executadas por meio de método não destrutivo, permitindo o assentamento de tubulações sob o Arroio Pavuna e sob a Avenida Abelardo Bueno, prometendo evitar transtornos para moradores e frequentadores da região. As novas tubulações ligarão a rede de esgotos da região à nova elevatória Olímpiada, na Rua Imperatriz Leopoldina, que terá capacidade para bombear até 1.100 litros de esgotos por segundo para a ETE Barra.

- Esta é mais uma obra que contribuirá para a melhoria das condições do sistema lagunar da Barra da Tijuca, atendendo aos moradores e aos compromissos firmados com o Comitê Olímpico Internacional (COI). É uma obra projetada para o crescimento futuro da região, para atender à demanda nos próximos 20 anos – afirma o presidente da Cedae, Wagner Victer.

Últimas de _legado_O Dia 24 Horas