Por thiago.antunes

Rio - Nesta segunda-feira o Rio de Janeiro registrou a temperatura mais alta do ano, provocada por uma forte massa de ar quente que está sobre a Região Sudeste. De acordo com as medições do Instituto Nacional de Meteorologia, a máxima foi de 40,6 graus na estação de Santa Cruz, superando o registro anterior, de 40,3 graus na Vila Militar, em 3 de janeiro.

Segundo previsão do Instituto Climatempo, o carioca ainda vai ter muitos dias ensolarados pela frente. É prevista máxima em torno de 40 graus em todos os dias da semana até sexta-feira.
E a temperatura deverá continuar muito alta até a segunda metade de fevereiro. A sensação térmica deverá permanecer próxima da temperatura real.

Segunda-feira começou com muito sol na Zona NorteOsvaldo Praddo / Agência O Dia

Uma massa de ar seco deve impedir a formação de chuvas nas próximas duas semanas, mas há possibilidade de ocorrer precipitações isoladas, especialmente na Região Serrana e no interior do estado. De acordo com o Inmet, o mês de janeiro foi o mais quente dos últimos 30 anos, com média de 36,8 graus. A temperatura mais alta já registrada pelo instituto no Rio foi em 14 de janeiro de 1984: 43,2 graus.

Você pode gostar