Por joyce.caetano

Rio - Após uma composição do ramal de Saracuruna aguardar ordem de circulação por cerca de dez minutos na estação Central do Brasil, por volta das 17h15 desta terça-feira, cerca de 60 pessoas forçaram a abertura das portas e desceram irregularmente na via. Os passageiros caminharam aproximadamente 100 metros até a plataforma da estação. De acordo com a SuperVia, a ação ocorreu mesmo após a concessionária informar por meio do sistema de áudio do trem sobre a circulação.

Mais cedo, alguns ramais tiveram seu funcionamento alterado após um trem do ramal Japeri apresentar uma ocorrência no pantógrafo (equipamento que liga o trem à rede aérea), às 13h10, quando chegava à estação Central do Brasil. A Agetransp investiga um incidente ocorrido.

De acordo com a SuperVia, problema comprometeu a rede aérea no trecho entre a Mangueira e Central. Alguns trens precisaram aguardar ordem de circulação, o que provocou atrasos. Os ramais de Deodoro, Santa Cruz e Japeri operaram com intervalos irregulares. Na Central do Brasil, os trens semidiretos partiram das plataformas C e D e os paradores das plataformas A e B.

A circulação dos ramais Saracuruna e Belford Roxo foi normalizada, às 16h30 desta terça-feira, de acordo com a SuperVia. No momento, trens de todos os ramais partem da Central do Brasil dentro dos intervalos previstos, segundo a concessionária.

Você pode gostar