Por adriano.araujo

Rio - Após mais uma manhã de caos na Avenida Brasil, por conta de interdição de uma faixa na altura de Ramos para obras da Transcarioca, a Secretaria Municipal de Obras divulgou nota informando que o o atraso na liberação da pista foi 'atípico'. Ainda segundo a nota divulgada, o mesmo 'não tem previsão de se repetir'.

A obra faz parte da obra do arco estaiado do BRT Transcarioca, na altura de Ramos. Segundo a secretaria, durante o içamento de parte da estrutura foram necessários ajustes de última hora. Ainda de acordo com a secretaria, a desmontagem do guindaste utilizado para a operação leva aproximadamente quatro horas. A pista central da Avenida Brasil foi liberada por volta das 9h. A SMO ressaltou que a intervenção será concluída ainda neste semestre.

Mais um manhã de transtornos

?Devido a atrasos na obra da Transcarioca, a Avenida Brasil amanheceu novamente com uma faixa interditada na pista central, sentido Centro, na altura do bairro de Ramos, na Zona Norte da cidade, na manhã desta terça-feira. A via deveria ter sido totalmente aberta ao tráfego às 4h30, mas só foi liberada às 9h. É o segundo dia consecutivo que a intervenção causa transtornos na via expressa.

Em função disso, motoristas enfrentaram o mesmo problema registrado na segunda-feira: um congestionamento que chegou na altura do bairro de Realengo, estendido por conta de outras duas obras na via expressa. A retenção chegou a 24 quilômetros.

Ontem, o atraso na liberação da pista lateral, que ficou fechada durante a madrugada, causou o mesmo problema. Ainda não há previsão de liberação da faixa de rolamento da pista central da via.

Segundo a Concer, a Rodovia Washinton Luiz registrou congestionamento entre os quilômetros 121 e 125, no sentido Rio de Janeiro, devido à retenção na Linha Vermelha e Avenida Brasil.

Na Rodovia Presidente Dutra, de acordo com a concessionária responsável, o trânsito ficou lento na pista expressa, na altura São João de Meriti, entre os quilômetros 168 e 164, e na altura de Nova Iguaçu, entre os quilômetros, 180 e 179. Na chegada ao Rio, segundo a CCR Nova Dutra, o tráfego é lento na pista marginal, entre os quilômetros 165 e 164.

Na Ponte Rio- Niterói, até as 8h, o tempo de travessia para a capital fluminense, segundo a CCR Ponte, era de 20 minutos. Após as 8h, já chega a 40 minutos, com retenção desde a descida do Vão Central até as saídas para o Gasômetro e Rodoviária.

Ainda na saída da Ponte, segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio, uma colisão envolvendo dois ônibus interditou uma faixa da alça de descida da Ponte para a Avenida Brasil, sentido Centro, na altura do Into.

Você pode gostar