Barcas operam com velocidade reduzida devido ao mau tempo

Tempo de travessia pode ser prejudicado pela baixa visibilidade na Baía de Guanabara

Por nicolas.satriano

Rio - A chuva que atingiu a cidade na manhã desta terça-feira prejudicou a visibilidade, inclusive na Baía de Guanabara, aumentando o tempo de travessia das barcas por conta da necessidade de realizar o trecho em velocidade reduzida. Às 10h a operação foi normalizada.

Segundo o Centro de Controle Operacional da CCR Barcas, as viagens das embarcações estavam sendo realizadas nos horários determinados, apesar do intenso fluxo no acesso às estações. Ainda de acordo com a concessionária, partidas do centro de Niterói para o Rio seguiam a cada 10 minutos. Já no trecho Charitas-Rio, os intervalos chegaram a durar 15 minutos. 

Chuva provoca transtornos no Rio

A chuva nesta terça-feira prejudicou o funcionamento de aeroportos, provocando quedas de árvores na Zona Sul e de um poste na Zona Norte, além de causar transtornos no trânsito.

O Aeroporto Santos Dumont ficou fechado por três horas e meia para aterrissagens. Manobras de pousos e decolagens permanecem sendo realizados por instrumentos.

Chuva causa transtornos na manhã desta terça-feiraAlessandro Buzas / Agência O Dia

Com o fechamento, quatro voos foram transferidos para o Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, no Galeão, que realiza as manobras por aparelhos. Quatro voos foram cancelados no Tom Jobim. Já no Santos Dumont, foram registrados 14 cancelamentos e oito atrasos.

Por volta das 11h15, não havia registros de chuva na cidade. 

Últimas de _legado_O Dia 24 Horas