Máxima no Rio nesta terça será 10 graus menor que a registrada na segunda-feira

Termômetros atingirão os 32º C, segundo o Alerta Rio. Na segunda, cariocas tiveram dia típico de verão em plena primavera, com máxima na casa dos 42 º C, a maior temperatura deste ano

Por O Dia

Rio - Os cariocas não terão um dia típico de verão, nesta terça-feira, como foi registrado na segunda-feira, quando os termômetros atingiram os 41,6 º C, em plena primavera, na Vila Militar, Zona Oeste da cidade, a maior temperatura máxima registrada neste ano, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Hoje, as temperaturas estarão em acentuado declínio, com mínima de 18º C e máxima de 32º C.

Cidade do Rio de Janeiro amanheceu encoberta por névoa nesta terça-feira. Na imagem%2C céu nublado na Praia de Copacabana%2C na Zona SulAlessandro Buzas / Agência O Dia

Ao longo do dia, o céu estará variando entre parcialmente nublado e nublado, sem previsão de chuva, e os ventos estarão soprando com intensidade moderada durante os períodos da manhã e da tarde.

Hoje, o município do Rio de Janeiro amanheceu novamente com névoa em diversos pontos. Segundo o Alerta Rio, o fenômeno que vem acontecendo desde domingo ocorre em função de uma inversão no movimento dos ventos, que antes sopravam do continente para o oceano e que passaram a soprar do oceano para o continente, com o transporte de umidade do mar para a cidade. De acordo com o órgão, esta situação se prolongará pelas próximas 24 horas.

Por volta das 4h30, a estação meteorológica do Inmet instalada no Forte de Copacabana, na Zona Sul, registrou a ocorrência de vento forte (56,2 km/h).

Leia mais:

Rio registra dia mais quente do ano, com máxima de 41,6 graus

Mudança no deslocamento dos ventos provoca denso nevoeiro no Rio

Névoa na Baía de Guanabara faz barcas circularem com velocidade reduzida

Aeroportos Santos Dumont e Galeão operam com auxílio de instrumentos

GALERIA: Banhistas curtem dia de sol na praia


Últimas de _legado_O Dia 24 Horas