Centro terá novo teste de fogo

Mudanças mais impactantes, desde fevereiro, começam sábado com fechamento parcial da Rio Branco

Por O Dia

Rio - A interdição com maior impacto no trânsito do Centro desde o fechamento do Mergulhão da Praça 15, em fevereiro, começa neste sábado, às 7h. Serão fechadas três pistas da Rio Branco, entre as avenidas Presidente Vargas e Beira-Mar. Este trecho, o mais movimentado da via, só terá duas pistas funcionando e abertas exclusivamente aos ônibus municipais, no sentido Aterro. As mudanças no trânsito são para a instalação dos trilhos do VLT.

Os táxis, que atualmente podem passar pela faixa do meio, também no sentido Aterro, estarão proibidos de circular e serão criados pontos nas ruas transversais à Rio Branco. As linhas de ônibus, que, desde fevereiro, passam pela Rio Branco na direção da Cinelândia para a Candelária, serão transferidas para as Avenidas Antônio Carlos e Primeiro de Março.

Confira as alterações na regiãoArte%3A O Dia

O detalhamento do planejamento e os novos itinerários das linhas de ônibus serão apresentados pela prefeitura hoje ou amanhã, segundo a Secretaria Municipal de Transportes. Ontem mesmo, agentes a serviço da prefeitura já começaram a divulgar panfletos pelo Centro com o aviso das mudanças.

Para o professor de Engenharia de Transportes da Uerj Alexandre Rojas, o impacto no trânsito não deve ser tão grande quanto o fechamento da Perimetral, há um ano, ou do Mergulhão da Praça 15, mas ainda assim será bem significativo.

“O que está ruim vai ficar insuportável. As poucas vias abertas para se cruzar o Centro estão muito carregadas e vão receber mais ônibus agora”, prevê Rojas. Para minimizar o impacto da nova fase de mudanças, desde o dia 15, 82 linhas de ônibus foram remanejadas para evitar que atravessassem a região central.

Últimas de _legado_O Dia 24 Horas