Feriadão: Quase 180 mil veículos devem passar pela Ponte nesta sexta e sábado

CCR estima que mais de 200 mil veículos devem passa pela Via Lagos durante o feriado prolongado de São Sebastião

Por O Dia

Rio - Cerca de 179 mil veículos devem cruzar a Ponte Rio-Niterói em direção a Niterói e cidades da Região dos Lagos nesta sexta-feira e neste sábado, devido ao feriado de São Sebastião, celebrado na próxima terça-feira. Esta é a previsão da CCR. A concessionária responsável pela via montou um esquema especial de operação para atender ao aumento do fluxo de veículos, com reforço no efetivo das equipes de emergência e na Praça do Pedágio, onde os "papa-filas" (arrecadadores volantes) agilizarão a passagem dos veículos nos horários de maior movimento.

Pezão determina ponto facultativo no feriadão de São Sebastião

Cerca de 179 mil veículos devem passar pela Ponte neste feriadão de São SebastiãoCarlos Eduardo Cardoso / Parceiro / Agência O Dia

A concessionária recomenda que, antes de viajar, os motoristas verifiquem as condições gerais do veículo, como a calibragem dos pneus, os níveis de água e óleo do motor e o de combustível. “Para evitar acidentes, é importante que os motoristas mantenham uma distância segura do veículo à frente, obedeçam à sinalização e os limites de velocidade da rodovia”, alerta Julio Amorim, coordenador de atendimento da concessionária.

210 mil veículos passam pela Via Lagos 

Entre esta sexta-feira e a próxima quarta-feira, cerca de 210 mil veículos devem passar pela Via Lagos. Segundo a concessionária responsável pela via, os dias de maior movimento em direção à Região dos Lagos serão esta sexta e sábado, quando são esperados 37 e 38 mil veículos, respectivamente.

Ainda de acordo com a concessionária, na volta do feriadão, a previsão é de que 40 mil veículos passem pela ViaLagos na terça e outros 28 mil na quarta-feira. Nesta rodovia, a CCR também reforçou as equipes de atendimento médico e mecânico e implantou os "papa-filas" (arrecadadores volantes) na Praça do Pedágio.

O DER-RJ prosseguirá com a Operação Radar Móvel para coibir o excesso de velocidade. Segundo a CCR, os locais de fiscalização estão devidamente sinalizados. A Polícia Militar Rodoviária também realizará fiscalizações ao longo da rodovia. Painéis eletrônicos de mensagens irão orientar sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na rodovia.

Últimas de _legado_O Dia 24 Horas