Com forte chuva, ruas alagaram, asfalto cedeu e trânsito ficou caótico no Rio

Leitores registraram diversas complicações causadas pela chuva na noite desta segunda-feira e enviaram para O DIA

Por O Dia

Rio - A forte chuva que atingiu a Região Metropolitana do Rio na noite desta segunda-feira não durou nem uma hora, mas foi suficiente para causar estragos em diversos pontos. Alguns problemas puderam ser percebidos ainda na manhã desta terça-feira, como na Rua Clarimundo de Melo, na Zona Norte, que amanheceu interditada devido a um enorme bolsão d'água, que bloqueava o tráfego entre as ruas Silvia e Assis Carneiro.

Equipes da Secretaria Municipal de Conservação trabalharam no local e o trânsito foi liberado por volta das 10h30. Houve retenção nos dois sentidos da via. Na Estrada do Catonho, importante via da Zona Oeste, que liga os bairros de Jardim Sulacap e Taquara, havia acúmulo de água em ambos os sentidos da via, na altura dos n°s 412 e 447, no trecho do Tanque. O trânsito era lento no local.


Também houve registro de bolsão d'água na Rua Elias da Silva, na Zona Norte, bem na chegada ao Viaduto de Quintino, sentido Cascadura. O trânsito era intenso na região. Ainda na Zona Norte, uma árvore caiu na Avenida Monsenhor Félix, próximo do Cemitério de Irajá, e uma faixa da via estava interditada no sentido Vista Alegre.

Durante a madrugada, em Nilópolis, na Baixada Fluminense, uma árvore caiu na Rua Pedro Álvares Cabral. Não houve vítimas, mas o tráfego ficou bloqueado no local. Em Jacarepaguá, na Zona Oeste, choveu tanto e em tão pouco tempo que a Rua Retiro dos Artistas ficou alagada. Na mesma região, em Bangu, o asfalto cedeu na Rua Washington Lima, próximo à entrada do Parque Leopoldina, e um caminhão do Corpo de Bombeiros ficou atolado no buraco que se formou no local.

Leitores registraram diversas complicações causadas pela chuva que atingiu a Região Metropolitana do Rio na noite desta segunda-feira e enviaram para O DIA. Passageiros de um trem que seguia para Saracuruna tiveram que desembarcar debaixo de chuva em plena linha férrea, após um trem apresentar problemas no sistema mecânico, por volta das 20h15, no trecho entre as estações Gramacho e Campos Elísios, em Duque de Caxias.

Previsão do tempo

De acordo com o Alerta Rio, a chuva muito forte registrada nesta segunda-feira foi provocada por áreas de instabilidade, associadas a uma frente fria que se deslocava pelo oceano. A capital fluminense, que entrou em Estágio de Atenção às 20h05 de segunda-feira, retornou para condição de Normalidade logo no início da madrugada, à 0h40, porém, embora a intensidade da chuva tenha diminuido ainda durante a noite, houve registro de chuva fraca durante a madrugada e o início da manhã na Região Metropolitana.

Rio retorna ao Estágio de Normalidade

Para esta terça-feira, segundo o Alerta Rio, a previsão é de tempo abafado, com leve declínio nas temperaturas, que irão oscilar entre a mínima de 21º C e a máxima de 23º C. A chuva fraca registrada no início da manhã deve ganhar força no período da tarde.

Asfalto cede e caminhão dos bombeiros fica preso em buraco próximo à entrada Parque Leopoldina%2C em BanguSeguidor %40bryanclemrj
Leitor flagra árvore caída na Rua Pedro Álvares Cabral%2C em Nilópolis. 'Sem vítimas. Bombeiros no local e via fechada'%2C relatouSeguidor %40nilopolisonline
Trem apresentou problema no sistema mecânico e passageiros tiveram que desembarcar na linha férrea debaixo de chuva entre Gramacho e Campos ElísiosLeitor Douglas Mendonça
'Momento certo na hora certa! Flagrante que consegui ontem em Jacarepaguá! Natureza bela!'%2C relatou leitor que registrou raio na Zona OesteSeguidor %40bydimiro
Leitor registra retenção em autoestrada%3A 'Trânsito muito ruim na Lagoa-Barra%2C em todos os sentido%2C quase parado'%2C dizSeguidor %40zeusrj
'Trânsito em Realengo%2C sentido Campo Grande. Tudo parado devido a um acidente'%2C registrou a leitora as péssimas condições de tráfego na Avenida BrasilSeguidora %40Vanezuca26

Últimas de _legado_O Dia 24 Horas