Tiro em rede aérea e cabine arrombada obrigam passageiros a andar nos trilhos

Segundo a SuperVia, circulação no ramal Santa Cruz está irregular desde as 6h20 desta terça-feira. No Maracanã, trem descarrilou, após cabine do maquinista ser arrombada

Por O Dia

Rio - Técnicos da SuperVia identificaram que um disparo de arma de fogo atingiu e arrebentou parte da rede aérea em Tancredo Neves, Zona Oeste do Rio, interrompendo a viagem de um trem que seguia de Santa Cruz para a Central do Brasil, por volta das 6h20 desta terça-feira. Funcionários da empresa realizam reparos na rede aérea naquele trecho desde então.

LEIA MAIS: Supervia: Trem interrompe viagem e passageiros andam nos trilhos

Passageiros do ramal de Santa Cruz enfrentaram transtornos nesta manhã, pois tiveram que desembarcar no meio dos trilhos e andar até a plataforma da estação Tancredo Neves, onde seguiram viagem em outros trens.

Passageiros andam nos trilhos após problema na rede aérea no ramal Santa CruzLeitor Max Porto / WhatsApp O DIA (98762-8248)

De acordo com a SuperVia, o problema também causou transtornos aos demais passageiros que dependem dos trens do ramal Santa Cruz para se deslocar, já que a circulação ocorre por apenas uma das linhas naquele trecho, entre as estações Santa Cruz e Paciência, gerando irregularidade nos intervalos do ramal ainda na tarde desta terça-feira.

Trem descarrila no Maracanã

Cabine do maquinista arrombadaDivulgação

Técnicos da concessionária identificaram que a cabine do maquinista de um trem do ramal Deodoro, que estava em um desvio próximo à estação Intermodal Maracanã, foi arrombada na madrugada desta-terça-feira. Segundo a SuperVia, os danos nos equipamentos fizeram com que a composição se deslocasse e descarrilasse próximo a uma das linhas do ramal Deodoro.

O problema obrigou as demais composições do ramal Deodoro a aguardarem por ordem de circulação para trafegar no trecho entre as estações São Cristóvão e São Francisco Xavier, o que gerou irregularidade no intervalo do ramal até às 11h desta terça-feira. Técnicos da concessionária concluíram os reparos para liberação da linha ainda nesta manhã.

Nas duas situações envolvendo trens da SuperVia nesta terça-feira, a concessionária informa que avisou os passageiros, por meio do sistema de áudio das composições e das estações, além dos canais de comunicação da empresa. Em nota, disse que trabalha para normalizar a situação o mais rápido possível.

O arrombamento da cabine do maquinista foi registrada na 18ª DP (Praça da Bandeira). Ainda em nota, a SuperVia disse que está à disposição das autoridades para ajudar nas investigações.

Últimas de _legado_O Dia 24 Horas