Catamarã novo apresenta problema em Niterói e provoca enormes filas

Embarcação Pão de Açúcar, que começou a circular em março deste ano, voltou a apresentar defeito nesta manhã

Por O Dia

Rio - Inaugurado em março deste ano, o catamarã Pão de Açúcar voltou a apresentar problemas na manhã desta quarta-feira. O resultado foi filas enormes no acesso à estação Arariboia, em Niterói. Muitos passageiros reclamaram de atrasos nas saídas das embarcações e da falta de informação.

De acordo com a CCR Barcas, o problema ocorreu antes da viagem das 6h30. Equipes de manutenção da fabricante da barca e da concessionária trabalharam para solucionar o defeito no catamarã, que foi liberado para operar novamente por volta das 9h. Enquanto a Pão de Açúcar ficou sem circular, apenas quatro embarcações, de 1.300 a 2 mil lugares, operavam no trajeto Praça Arariboia-Praça XV.

LEIA: 'Essa barca vai dar defeito e matéria de jornal por uns 20 anos', diz especialista

Problema em catamarã provoca filas gigantescas na Estação Arariboia%2C em NiteróiLeitor WhatsApp O DIA (98762-8248)

Nas filas,  passageiros reclamaram da falta de informação após a ocorrência do defeito. "Pego a barca todo dia às 7h30 e estou esperando há meia hora. O problema é que eles não falam o que está acontecendo, não dão satisfação. Aí quando povo fica à flor da pele chega a polícia. Vira um tumulto desnecessário por falta de informação. Além disso, perdemos a opção de procurar outro transporte", disse a analista de seguros Nilceia Maria de Oliveira, 48 anos.

O passageiro Eduardo Roberto Coutinho Dias, 36 anos, protestou contra o serviço prestado pela concessionária. "Pelo preço que a gente paga, o serviço deveria ser bem melhor. A barca tradicional demora mais e às vezes prejudica. Mas o pior é a falta de informação. Só comunicam que há problemas quando já estamos passamos a roleta. Em horários de pico, deveria ter gente explicando, ajudando", falou o assistente financeiro.

No mês passado, o catamarã apresentou "problema técnico" no meio da Baía de Guanabara. Na época, a CCR Barcas não informou o tipo de defeito apresentado, que acabou sendo resolvido sem a necessidade de tirar a barca de circulação.

A gigantesca barca Pão de Açúcar%2C comprada para melhorar a travessia Rio-Niterói%2C voltou a apresentar problema nesta quarta-feiraAlexandre Vieira / Arquivo Agência O Dia

?Reportagem: Clara Vieira

Últimas de _legado_O Dia 24 Horas