Por helio.almeida

Rio - O sambista Ernesto Pires comanda na quinta-feira, às 15h, a ‘Roda de Conversa’ no campus do Centro de Nova Iguaçu da Universidade Federal Rural. O tema será a história do samba. Na aula, ele terá como convidado especial o compositor Sérgio Fonseca.

Em pauta, as origens e histórias do samba. “Começamos com a história da MPB chegando ao samba. Construímos um fio condutor que vai do maxixe aos dias de hoje, passando pela era do rádio e TV”, explica Pires.

O cantor e compositor, de 56 anos, conta que percebeu uma lacuna na cena do samba e aceitou o convite para trazer à tona a memória desse ritmo brasileiro. Ele diz que a palestra é resultado de experiência na estrada, em 30 anos de carreira, muita leitura e estudo. “O samba tem muita ‘oralidade’, histórias que passam de um para o outro e acabam se perdendo”, afirma Pires, que é professor de petroquímica.

Sérgio Fonseca, parceiro de Pires em composições e também professor, completa a palestra focando na história do samba na Baixada.

Pires confessa que seu sonho é reunir a pesquisa e produzir uma videoaula para doar a bibliotecas. “Essa palestra é o pontapé inicial”, prevê o músico, autor de canções como ‘Lua’, ‘Só Primeira’ e ‘Terreiro de Iaiá’.

O campus fica na Avenida Governador Roberto Silveira sem número, Centro. Os participantes vão receber certificado. A conversa será na sala 310, no bloco multimída. Inscrições no local, e informações pelo telefone 2669-0105.

Você pode gostar