Por thiago.antunes

Rio - O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, prometeu nesta quarta-feira a prefeitos da Baixada Fluminense que garantirá recursos para ampliar o Programa de Saúde da Família na região e atingir a meta de cobertura de 70% da população já em 2015.

No encontro, intermediado pelo líder da bancada fluminense na Câmara dos Deputados, Hugo Leal (Pros), o ministro recebeu estudo da Uerj e do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Baixada Fluminense (Cisbaf) que mostra que são necessárias, para chegar aos 70%, 754 equipes com médicos, enfermeiros, auxiliares e agentes de saúde.

Orçamento limitado

Os prefeitos alegaram que estão impedidos de ampliar o Programa de Saúde de Família por conta própria porque as folhas de pagamento já estão no limite de orçamento previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal.

Mais 'Mais Médicos'

Alexandre Padilha informou que no dia 1°, quando estará em Nova Iguaçu, a presidenta Dilma Rousseff vai assinar convênio com o Cisbaf para ampliar o Programa Mais Médicos na Baixada e reforçar o PSF na região.

Você pode gostar