Hospital de Duque de Caxias é reaberto e registra recorde de atendimento

Previsão é de que 1,8 milhões de pacientes, em diversas especialidades, sejam atendidos diariamente até o fim de 2015

Por O Dia

Durante seis anos a população caxiense conviveu com o Hospital Duque de Caxias fechado. Considerado referência em termos de atendimento, a unidade de saúde deixou de funcionar em 2008, sendo reaberta em agosto deste ano com a conclusão da primeira etapa da obra, uma grande Policlínica com várias especialidades.

A volta do funcionamento do Hospital, localizado no bairro Senhor do Bonfim, era uma promessa de campanha do prefeito Alexandre Cardoso e vinha de encontro ao desejo dos moradores do município. Ex-diretor da unidade, o prefeito conta que até o início de 2015 a última etapa da obra estará concluída, garantindo o total funcionamento 24 horas por dia, inclusive com o serviço de emergência. “Estamos implantando uma nova cultura na saúde de Caxias. As Unidades de Saúde da Família (USF), por exemplo, irão atender os casos menos graves. Temos trabalhado para ampliar a rede básica de saúde, pois é cuidado na ponta que poderemos utilizar o Hospital Duque de Caxias e o Hospital Dr. Moacyr do Carmo para casos complexos”, diz o prefeito.

Contando com 250 médicos e 123 consultórios, a Policlínica Hospital Duque de Caxias oferece atendimento para adultos e crianças, além exames de laboratório, eletrocardiograma, espirometria, eletroencefalograma e serviços farmacêuticos (dispensação e medicação). Desde a inauguração em agosto,já realizou 62mil atendimentos, superando os números dos últimos dois anos quando o serviço funcionou no Posto de Atendimento Médico (PAM) Dr. Fernando Gil, que no mesmo período fez 60 mil atendimentos em 2012 e 55 mil, em 2013.

A previsão é que em 2015, com toda obra finalizada, sejam atendidos diariamente 1,8 mil pacientes em diferentes especialidades médicas.

Especialidades oferecidas

Atendimento infantil: cardiologia, gastroenterologia, endocrinologia, nefrologia, pneumologia, neurologia, odontologia, otorrinolaringologia, nutrição, oftalmologia, psiquiatria, dermatologia, diabetes, ortopedia, ginecologia, clínica do adolescente e cirurgia pediátrica.

Atendimento adulto: cardiologia, gastroenterologia, endocrinologia, pneumologia, nefrologia, neurologia, odontologia, psicologia e psiquiatria, oftalmologia, angiologia, proctologia, diabetes, ortopedia, ginecologia, pré-natal, urologia e cirurgia geral.

Mais atenção básica

Investimentos garantem assistência para mais de 48% da população de Caxias

Asaúde básica de Duque de Caxias tem crescido nos últimos dois anos, chegando a 48.3% de cobertura à população. Para atingir este percentual foi necessário um grande investimento por parte da prefeitura que,para alcançar a meta estabelecida pelo prefeito Alexandre Cardoso chegar a 55% até 2016 -, promoveu uma série de ações por meio da Secretaria de Saúde.

Além da reforma do Programa de Saúde da Família de Nova Campinas e de Parada Angélica, em 2013, foi dado um novo passo neste ano. O prefeito anunciou recentemente o maior investimento no programa já realizado em Duque de Caxias com a construção de sete unidades básicas de saúde até março de 2015 e a licitação de outros quatro postos, além da reforma da unidade de Centenário.

“Quando assumimos a prefeitura, apenas 23% da população recebia atendimento. Quando as outras quatro unidades estiverem em funcionamento, 55% dos moradores da cidade serão atendidos”, afirmou AlexandreCardoso.

O projeto é resultado de uma parceria com o Ministério da Saúde, que vai cobrir 75% dos R$ 12 milhões gastos na construção e no aparelhamento de sete novas unidades. A primeira já foi inaugurada no Jardim Vila Nova. A próxima será no Amapá. Com obras iniciadas em novembro, os postos de Vila Canaan, Parque Fluminense, Jardim Quintela, Maria Helena e Vila Leopoldina serão entregues em 2015. Para o secretário de Saúde de Caxias, Camillo Junqueira, a proposta de ampliar e melhorar a rede de atenção básica vem sendo superada. “Tenho orgulho de ver que estamos vencendo o desafio lançado pelo prefeito Alexandre Cardoso no início de sua gestão: de melhorarmos o sistema de saúde do município.

Hoje a cidade conta com uma UPA Infantil; com a UPA do Parque Beira Mar; com o Hospital Duque de Caxias, que foi reaberto e funciona como uma grande policlínica; e agora entregamos, na região de VilaNova,a mais moderna unidade de saúde”, destacou.

6 mil pessoas vão ser beneficiadas

A primeira de sete a serem nauguradas pela prefeitura de Duque de Caxias, a nova unidade do Programa de Saúde da Família Parque Esperança, no Jardim Vila Nova, conta com diversos atendimentos.

Segundo o secretário de Saúde de Caxias, Camilo Junqueira, no início o posto terá duas equipes de agentes de saúde. “Eles irão atender cerca de oito mil pessoas cadastradas. Em 2015 teremos mais equipes e a nossa expectativa é de beneficiar em torno de 16 mil pessoas”, explicou.

Alguns serviços oferecidos são: salas de vacinação; consultório ginecológico; odontologia; atendimento a hipertensão arterial, hanseníase, tuberculose e diabetes; Saúde do Idoso; saúde bucal; acompanhamento Bolsa Família; DST; consulta de enfermagem; planejamento familiar; triagem pré-natal; pré- natal; prevenção do câncer de mama; exame preventivo do colo do útero; puericultura; puerpério; retirada de pontos; Saúde Mental; teste rápido de gravidez; visita domiciliar; clínica médica; exame de papel filtro para gestantes; nutrição; serviço social e fisioterapia.

O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8 horas às 17 horas.


Últimas de _legado_O Dia na Baixada