Jogada de mestre no desfile

Grande Rio, de Caxias, aposta no baralho para conquistar o título inédito. Desfile terá reis, rainhas e curingas. Escola encerrará primeiro dia de apresentação na Sapucaí

Por O Dia

O Carnaval da Acadêmicos da Grande Rio vai apostar alto nas cartas para conquistar o título inédito do Grupo Especial. A agremiação de Duque de Caxias contará a história do baralho e levará para a Sapucaí reis, rainhas e os tão disputados curingas.

O ensaio técnico será domingo que vem, às 22h, na Sapucaí. Já o desfile encerrará o primeiro dia de apresentações (15 de fevereiro), no domingo. A escola já foi campeã da Série A em 1992.

O enredo desse ano contará a história do baralho e levará para a Sapucaí reis%2C rainhas e os tão disputados curingasFernando Souza

Como no jogo, o desfile começa com o embaralhar das cartas. O segundo setor terá a divisão dos naipes em classes sociais: o de paus representará o povo; a espada o poder militar; copas, a igreja; e ouros, a nobreza. Também vão surgir figuras do baralho como o Ás, espécie de trunfo que recordará a Batalha de Waterloo, quando o imperador francês Napoleão foi derrotado, em 1815, na Bélgica.

Já o terceiro setor será marcado pela adivinhação, representada pelo tarô da cidade francesa Marselha. Em seguida, o baralho cigano da cartomante francesa Madame Lenormand.

Carnavalesco Fábio Ricardo garante que todo trabalho ficará pronto até o fim do mês. Desfile será ousado e irreverenteFernando Souza

As cartas astrológicas trarão os signos e elementos naturais, como o céu, a terra, a água e o ar, além de um mapa astral representando o sistema solar. O desfile será encerrado com a Grande Rio sendo a grande curinga do jogo. “Quem for melhor leva a disputa. Esperamos dar a cartada final. Podem esperar um desfile irreverente e ousado”, promete o carnavalesco e criador do enredo, Fábio Ricardo.

De acordo com ele, uma carta estará presente em todos os momentos do desfile. “Será a do sol, que no tarô representa a vida, o brilho e a felicidade. Virá na bateria”.

Na bateria, além da rainha, haverá um rei. A dupla será formada por Susana Vieira e David Brazil. Para tentar tirar todas as notas máximas no quesito, que não consegue há quatro anos, a Grande Rio contratou o mestre Thiago Diogo, que no ano passado era da União da Ilha do Governador.
Segundo ele, a escola levará 280 ritmistas para a Sapucaí, 80% moradores de Duque de Caxias. “Estamos preparando algumas paradinhas e até efeitos especiais", adiantou o mestre.

MUDANÇA NA COMISSÃO

Outra mudança foi na comissão de frente. A escola se reforçou com os ex-coreógrafos da Unidos da Tijuca Priscilla Mota e Rodrigo Negri. “Já temos uma marca, que é o segredo. Por isso, ensaiamos cada dia em um lugar diferente para ninguém desvendar a surpresa”, contou Priscila Mota.

A terceira e última mudança foi no casal de mestre-sala e porta-bandeira. Verônica Lima passa a dançar com Daniel Werneck, ex-primeiro mestre-sala da Estácio de Sá, escola da Série A.

Para ganhar condicionamento físico, o casal ensaia todos os dias e faz atividades físicas, como natação e até corrida na praia. “Viremos no primeiro setor, e um dos diferenciais da coreografia serão os passos de dança clássica”, revelou a porta-bandeira.

O SAMBA: A GRANDE RIO É DO BARALHO

Intérprete: Emerson Dias
Autores: Rafael Santos,
Lucas Donato, Gabriel Sorriso,
Leandro Canavarro e
Rodrigo Moreira

O jogo começou
Sou eu que dou as cartas na Avenida
E nessa disputa de poder
Eu não quero saber, vou jogar pra vencer
Sou Rei, venha ser minha Dama
No castelo de quem ama
Sou teu Servo, minha linda flor
A surpresa está na manga
Meu trunfo de maior valor

Pra saber o meu destino... Fui buscar
A resposta no tarô e encontrei o amor
A chave para abrir o meu caminho
Num raiar de um novo dia, a cigana
me revelou

Estrelas me guiam à luz do luar
Além dos mistérios eu vou viajar
A água da terra eu vejo brotar
O fogo ardendo envolto no ar
O meu amanhã como posso saber?
Chegou minha hora eu não posso perder
Num lance incerto, de um jeito esperto
A última carta vai surpreender
Canta Caxias o meu Curinga é você

Eu vou na ginga, jeito malandreado
Vem cá menina, começou o carteado
Se você veio ver, então vamos jogar
Chegou Grande Rio... Pode apostar!

Cuidados com a voz

Preparação de intérprete inclui fonaudióloga

Estandarte de ouro no Carnaval do ano passado, Emerson Dias segue como o intérprete oficial. Ele faz aulas de canto, se trata com uma fonoaudióloga e ensaia três vezes por semana. “Vamos misturar molecagem com responsabilidade. A comunidade de Caxias está cantando como há muito tempo não se via”, disse.

O desfile daGrande Rio terá 29 alas, seis carros alegóricos, um tripé e 3.300 componentes. De acordo com o diretor de Carnaval, Ricardo Fernandes, o custo pode chegar a R$ 14 milhões. Segundo ele, nenhuma fantasia foi colocada à venda. “Apostamos na força do povo caxiense e, por isso, doamos as fantasias, mas é preciso que se comprometam e estejam presentes nos ensaios”, destacou o diretor. 

Quem não for ao ensaio técnico da Grande Rio no dia 25 na Sapucaí pode conferir os preparativos da escola nos ensaios na quadra e na rua (Rua Wallace Soares 5, Centro). Eles são às terças-feiras, sábados e domingos.

Últimas de _legado_O Dia na Baixada