Por vinicius.amparo

Rio - Foi dado o sinal verde pela prefeitura de Cabo Frio para o início das obras de recuperação do prédio histórico que abrigava a Biblioteca Municipal da cidade. O prédio, que é do século XVIII, já não comportava de maneira adequada o acervo da biblioteca municipal e será reformado. Por esse motivo, a partir desta semana, o novo endereço da biblioteca será uma galeria na Avenida Júlia Kubitschek.

O secretário municipal de Cultura, José Facury e a direção da biblioteca, providenciaram um novo local para que os leitores possam desfrutar do acervo, que ficará, provisoriamente, em uma galeria no edifício Shopping Grand Maison, localizado próximo à rodoviária de Cabo Frio, na Avenida Júlia Kubitscheck.

São quatro lojas abrigando os milhares de títulos que compõem o valioso material. A biblioteca fica no local até que as obras de recuperação do histórico prédio do centro de Cabo Frio estejam concluídas. A expectativa é que as obras na sede comecem ainda este ano e fique pronta em 2015.

Ao todo são 32 mil livros que fazem parte do acervo. Por falta de espaço, apenas 12 mil livros do acervo vão ficar disponíveis para os visitantes durante o período que a biblioteca funcionar no novo local. Entre esses livros, estão os que são considerados "obras raras". São livros de autores cabofrienses como Teixeira e Sousa, Waldemir Terra Cardoso e Victorino Carriço.

As lojas na galeria são no andar térreo e o horário de funcionamento é da biblioteca é segunda a sexta, de 8h às 18h.

Você pode gostar