Por vinicius.amparo

Rio - Delícias gastronômicas produzidas nas mais diferentes regiões do estado serão premiadas no Rio. A segunda edição do prêmio Maravilhas Gastronômicas do Estado, projeto que visa divulgar e dar visibilidade aos tesouros culinários fluminenses, encerra nesta sexta-feira (31) a votação pública pelo site www.projetomaravilhas.com.br. São 106 produtos distribuídos em dez categorias: Da Água, Cachaças, Cafés, Cervejas, Conservas e Patês, Doces e Compotas, Laticínios, Mel, Queijos e Da Terra.

A escolha aconteceu em duas etapas. A primeira consistiu na lista dos pré-finalistas, com 91 produtos indicados pela comissão organizadora e pelos consultores e colaboradores. A segunda abriu inscrições para novos produtos, que passaram pela avaliação da comissão organizadora e de 39 consultores, especialistas nas dez categorias. Na terceira etapa, acontece a cerimônia de premiação dos eleitos nas dez categorias e dos ganhadores dos prêmios especiais. A premiação acontece no dia 8 de dezembro, na sede da Firjan.

Com objetivo de divulgar e dar visibilidade à produção local, colaborando para desenvolver a cultura do gosto regional, o prêmio “Maravilhas Gastronômicas do Estado do Rio de Janeiro” fortalece a identidade cultural e a economia do território fluminense. O prêmio é idealizado pelo jornalista Chico Junior. “No Ano Internacional da Agricultura Familiar, nossa proposta é celebrar os tesouros culinários do estado. É essa diversidade gastronômica que enriquece nosso prato do dia-a-dia e nossa cultura alimentar”, ressalta Chico Junior.

Na primeira edição, em 2013, o prêmio elegeu as sete Maravilhas Gastronômicas do Estado. A votação pela internet recebeu mais de 20 mil votos e os vencedores foram: Entradas & Petiscos - Biscoito Globo (Rio de Janeiro); Bebida - Caipirinha (Rio de Janeiro); Da Terra - Sítio do Moinho (Itaipava- Petrópolis); Laticínios - Queijo de Cabra De Ville (Secretário- Petrópolis); Da Água – Trutas do Rocio (Petrópolis) e Doces & Compotas - Sítio Humaytá (Itaipava- Petrópolis).

Nesta segunda edição, o número de indicados dobrou e o de categorias também aumentou em três modalidades: foram selecionados 106 produtos distribuídos nas categorias: Da Água, Cachaças, Cafés, Cervejas, Conservas e Patês, Doces e Compotas, Laticínios, Mel, Queijos e Da Terra.

Paraty

Pela cidade de Paraty, seis cachaças concorrem na segunda edição do prêmio Maravilhas Gastronômicas do Estado do Rio. As aguardentes que representam o município na premiação são: Coqueiro, Corisco, Engenho d'Ouro, Maria Izabel, Paratiana e Pedra Branca. Além delas, a Cervejaria Caborê também está concorrendo ao prêmio, na categoria 'Cervejas'.

Região Serrana

Pela Região Serrana, a culinária, um dos muitos atrativos do local, mostra que os quitutes da Serra fazem sucesso dentro e fora do estado. Prova disso é a indicação de 43 produtos de oito cidades ao prêmio. Na primeira edição do concurso, no ano passado, quatro produtos de Petrópolis foram eleitos entre as sete maravilhas.

Na Região Serrana%2C as cidade de Nova Friburgo e Petrópolis são as principais na disputa%2C e a Truta de Nova Friburgo também está no cardápioDivulgação

Na Região Serrana, as cidades de Nova Friburgo e Petrópolis lideram com maior número de produtos concorrendo: 18 e 12, respectivamente. Outras seis cidades também estão na disputa. São elas: Teresópolis, com sete itens, Santa Maria Madalena, com dois, e São José do Vale do Rio Preto, Carmo, Macuco e Sumidouro, com uma especiaria cada uma.

Barra do Piraí

Por Barra do Piraí, a cerveja Röter Viena Marzen está concorrendo na segunda edição do prêmio Maravilhas Gastronômica, na categoria ‘Cervejas’. Representando o município na disputa, a cervejaria Röter está localizada na região do Vale do Café e fornece para o Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais.

Resende

A participação de quatro produtos de Resende na segunda edição do prêmio foi destacada pela Secretaria de Turismo e Eventos. De acordo com o titular da pasta, Antônio Leão, são produtos que representam a vocação do município, no cultivo do pinhão e na produção pecuária e de peixes.

"Estão concorrendo à premiação o Pinhão e os Queijos Pedra Selada e Meia Cura do Waldir, do distrito de Visconde de Mauá, e a cachaça Reserva do Nosco, de Engenheiro Passos", comenta o secretário Leão.

Angra dos Reis

Três produtos da cidade estão concorrendo na segunda edição do Prêmio Maravilhas Gastronômicas. Enquanto a sardinha e a vieira de Angra dos Reis concorrem na categoria "Da Água", o palmito pupunha, também muito popular na região, concorre na categoria "Da Terra".

Você pode gostar