Guarda Marítima de Cabo Frio resgata grupo de turistas

Ação imediata permitiu atendimento de estudante que teve fratura no pé

Por O Dia

Cabo Frio (RJ) - Uma ação rápida dos agentes da Guarda Marítima e Ambiental de Cabo Frio atendeu o pedido de socorro de 15 pessoas que faziam trilha em direção ao Farol da Lagoinha, nesta quarta-feira (11). Pelo relato dos agentes municipais, uma vítima sofreu um acidente durante a caminhada. A guia turística escorregou e teve suspeita de fratura no pé esquerdo. Saiu imobilizada na maca até o cais e foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento de Cabo Frio.

As 15 pessoas fazem parte de um grupo de estudantes de Turismo e estavam acompanhadas por um instrutor e por um professor. A lancha da Guarda Marítima foi chamada por pessoas que faziam o pedido de socorro e, de forma imediata, o Corpo de Bombeiros foi acionado. A equipe dos Bombeiros também foi transportada na lancha até o local do acidente.

Embarcação encalhada

Logo após o atendimento do resgate, a Guarda Marítima atendeu outro chamado de uma embarcação que estava fazendo passeio com passageiros de um cruzeiro marítimo, que encalhou devido às condições de corrente marítima. A Guarda Marítima foi acionada e a equipe que estava próxima ao terminal de transatlântico ajudou no desembarque da embarcação chamada “Caminho de Luz”. Estavam a bordo cerca de 40 passageiros, não houve nenhum problema maior e os passageiros desembarcaram em segurança.

Guia turística escorregou%2C teve suspeita de fratura no pé esquerdo e foi atendida por agentes da Guarda MarítmaAri dos Santos / Divulgação

O comandante Sérgio Guedes, superintendente da Guarda Marítima e Ambiental, ao tomar conhecimento das ocorrências registradas, parabenizou a equipe de serviço pela presteza no atendimento das ocorrências. "O papel da Guarda Marítima é de muita importância, contribuindo para o ordenamento das atividades náutica de Cabo Frio", explicou Guedes.

A Guarda Marítima e Ambiental (GMA) está subordinada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), e fica responsável por monitorar o tráfego de embarcações, a chegada dos cruzeiros marítimos e fiscalizar os limites para que as embarcações respeitem a área dos banhistas, em apoio às operações da Capitania dos Portos.

* Com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Cabo Frio

Últimas de _legado_O Dia no Estado