Ruas da zona rural de Caxias vão ganhar nome e CEP

Além de poder receber sua correspondência em casa, moradores poderão ainda obter o CNPJ

Por O Dia

Duque de Caxias (RJ) - Agricultores de ruas sem denominação do assentamento Terra Prometida, em Piranema, na zona rural, no quarto distrito de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, vão poder a partir de agora receber correspondências em casa entre outras vantagens. Durante o trabalho de reabertura de ruas e melhorias das estradas vicinais região, foi constatado pela secretaria municipal de Meio Ambiente, Agricultura e Abastecimento que algumas daquelas vias não tinham denominação. A partir da Lei 2681, sancionada em dezembro de 2014, os moradores e produtores rurais poderão ter outros benefícios como obter o registro CNPJ - Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica - e poder vender sua produção para o comércio, para merenda escolar, além de abrir conta em banco.

Com a aprovação dos nomes pela Câmara Municipal, a Lei sancionada foi encaminhada aos Correios para cadastro no CEP – Código de Endereçamento Postal, criado em 1971 com a finalidade de racionalizar os métodos de separação de correspondências. Sem denominação as novas ruas do assentamento Terra Prometida passam a existir oficialmente as ruas Vinte e Oito de Novembro (Começa na Estrada Beira Rio e termina na Estrada Boa Esperança), Treze de Abril (Rua sem saída que começa na Rua Vinte e Oito de Novembro) e Maria Borges Rangel (que começa na Rua Vinte e Oito de Abril e termina na Estrada Boa Esperança). Os nomes foram aprovados durante assembleia com moradores do assentamento.

A concessionária de energia elétrica Light também já foi informada da lei e deverá começar a instalar postes para eletrificação das ruas em poucos dias, segundo o subsecretário Oswaldo Henrique Theodoro que vem acompanhando o trabalho na região e conta com o apoio dos residentes na localização das ruas sem nome na região.

Últimas de _legado_O Dia no Estado