Por vinicius.amparo

Rio - Inaugurado há um ano, o Centro-dia de Referência oferece cuidados pessoais a jovens e adultos com deficiência de São Gonçalo. Administrada pela secretaria de Desenvolvimento Social, Habitação e Infância e Adolescência, a unidade tem capacidade para atender 60 pessoas, com idades entre 18 e 59 anos. O projeto, que oferece atendimento durante o dia, fica no Polo de Qualificação Profissional Professora Fausta Vergínia, em Vista Alegre.

“Implantado no mês de março, o Centro-dia proporciona o resgate da cidadania, inclusão social e a valorização dos direitos iguais dos jovens e adultos com deficiência. Nosso intuito é fazer com que os usuários saiam da comodidade, conheçam suas capacidades para que possam avançar nas atividades diárias, apesar da deficiência”, destaca a secretária da pasta, Ana Cristina da Silva.

Ao todo, 12 profissionais (cuidadores, coordenador, supervisor, psicólogo, assistente social e terapeuta ocupacional), atendem os usuários e dão suporte à família, por meio de acolhimento, informação, orientação e oferta de cuidados cotidianos. Hoje o centro recebe 22 pessoas. Há vagas e tratamento para todos os tipos de deficiência, seja ela auditiva, intelectual, visual ou física, além daquelas que estejam em situação de dependência, sem apoio da família ou cuidadores, e ainda os que se encontram em situação de pobreza ou de direitos violados.

A dona de casa, Márcia da Conceição Pinto Silva, de 44 anos, mãe da Jéssica da Conceição, de 18 anos, usuária dos serviços do Centro-dia, ressalta a importância desse serviço para o município. “Minha filha realiza tratamento aqui há oito meses e vejo uma evolução enorme nela. Ela desenvolveu muito a coordenação motora e a parte mental com ajuda desse projeto. Ela fazia tratamento em uma instituição há 16 anos e eu nunca tinha visto uma melhora tão rápida como estou vendo nesses cinco meses. Estou muito agradecida pelo tratamento que recebemos”, declarou Márcia.

Para ter acesso ao serviço, o cidadão deve procurar um Centro de Referência de Assistência Social (Cras) ou Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), junto com um laudo médico e um relatório de assistente social. O Centro-dia fica localizado na Rua São Pedro, nº 2. O atendimento é feito de segunda à sexta-feira, das 8h às 16h. Outras informações por ser obtidas através do número 2604-4608.

Você pode gostar