Por nicolas.satriano

Rio - O Instituto Estadual de Ambiente (Inea) deu sinal verde no processo de licenciamento da Fazenda São Bento da Lagoa, em Maricá. O projeto prevê a construção de hotéis, prédios e casas residenciais, shoppings, restaurantes, escola, hospital, centro empresarial, clubes, áreas de lazer, campo de golfe sustentável e centro hípico.

Com a Licença Prévia, a expectativa é que o empreendimento comece a sair do papel no segundo semestre desse ano, quando as obras poderão receber a licença de instalação. Recentemente, a empresa firmou uma parceria com o Grupo BlueBay para construir quatro hotéis, dentro do complexo turístico.

“Serão dez anos de desenvolvimento em três fases, com investimento estimado em R$ 3 bilhões. Só no período de construção, temos o potencial de gerar até 4 mil empregos diretos e indiretos. Já em plena fase operacional serão aproximadamente 17 mil empregos diretos, priorizando a contratação local”, afirma David Galipienzo, diretor-executivo da IDB Brasil.

Segundo ele, o empreendimento prevê uma infraestrutura urbana integrada à natureza, numa área de 840 hectares, com 81% de preservação da vegetação nativa. Ali será criada a segunda maior Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) de restinga do estado, em uma área de 450 hectares, equivalente ao bairro de Copacabana.

Reportagem de Lucas Gayoso

Você pode gostar