Por lucas.freitas

Tanguá (RJ) - Responsável pela fiscalização do convênio firmado pela Prefeitura de Tanguá, por intermédio da Fundação DER-RJ, com a empresa R.C. Engenharia Ltda, em 2009, para obras de pavimentação e urbanização no município, João César da Silva Caffaro foi multado em R$ 8.135,70 (3 mil Ufir-RJ) pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ), na sessão plenária desta terça-feira (12/05). O relator do processo foi o conselheiro José Gomes Graciosa

Dentre as irregularidades existentes no convênio, cuja fiscalização estava a cargo de João César da Silva Caffaro, o TCE-RJ detectou que a quantidade de material comprado para a realização das obras era superior à necessária, tendo como base os parâmetros adotados pela Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio de Janeiro (Emop). Os volumes de brita e pó-de-pedra foram adquiridos, respectivamente, 79% e 78% acima dos indicados pela Emop.

Você pode gostar