São Gonçalo retira 200 veículos abandonados das ruas em dois meses

Operação Cidade Limpa já foi levada a diversos bairros. Motorista está sujeito a multa, além da remoção do veículo

Por O Dia

São Gonçalo - Em 60 dias, 200 carros abandonados removidos. Este é o saldo da ação de desobstrução de calçadas que está sendo realizada por fiscais da operação Cidade Limpa em parceria com a Secretaria de Transportes e apoio da Guarda Municipal de São Gonçalo. Os veículos, que obrigavam pedestres a andar na rua, foram retirados das ruas de diversos bairros, principalmente Porto Novo, Boaçu e Coelho.

“Nosso objetivo é organizar a cidade. Muitos dos recolhimentos são feitos a partir de flagrantes, mas também montamos ações específicas através de denúncias enviadas por moradores”, explicou o coordenador geral da operação e subsecretário de Fiscalização e Posturas, Edson Carvalho.

De acordo com o inciso VIII do artigo 181 do Código de Trânsito Brasileiro, estacionar no passeio ou sobre faixa destinada a pedestre, sobre ciclovia ou ciclofaixa, bem como nas ilhas, refúgios, ao lado ou sobre canteiros centrais, divisores de pista de rolamento, marcas de canalização, gramados ou jardim público é considerado infração grave e o motorista está sujeito à multa, além da remoção do veículo.

Após levantamento das placas e numeração do chassi para verificar se o automóvel não é produto de roubo ou furto – nesses casos, o carro fica sob responsabilidade da Polícia Militar -, o veículo é rebocado e levado até um depósito público.

O Disque Denúncia da operação Cidade Limpa é 2199-6345 e a população também pode ajudar no trabalho de fiscalização denunciando ou entrando em contato com o telefone da ouvidoria da Prefeitura, através do número: 2199-6330.

Últimas de _legado_O Dia no Estado