Angra dos Reis festeja 514 anos

Uma das cidades mais antigas do país começa suas comemorações de aniversário a partir desta terça-feira (5)

Por O Dia

Com previsão de tempo estável para esta semana e estiagem, Angra dos Reis, na Costa Verde, iniciou nesta terça-feira (5) os festejos pelos seus 514 anos. De acordo com informações da Secretaria de Defesa Civil municipal, as vistorias feitas pelas equipes do órgão desmobilizaram as sirenes nos bairros do Frade, Sertãozinho do Frade e Santa Rita do Bracuí, que apresentavam riscos de desabamento de casas devido às chuvas que ocorreram nos primeiros dias do ano.

Em Parque Mambucaba, onde houve transbordamento do rio que banha a região, a situação já voltou ao normal e os moradores retornaram para suas casas. “A preocupação era com o acúmulo de chuva”, disse a secretaria, por meio de sua assessoria de imprensa.

Esta noite haverá show do artista Luiz Ferrar na Praça Zumbi dos Palmares. "Considero-me um filho adotivo de Angra. Nasci em Niterói, mas desde os anos 80 vivo e convivo com esta cidade. Minha família inteira mora aqui e não abro mão de manter minha casa em Angra. Fazer este show na minha terra será uma grande alegria e um prazer imenso", disse o artista, que desde 2009 não se apresenta no município. 

Angra dos Reis é uma das cidades mais antigas do país. Foi descoberta pelos portugueses em 6 de janeiro de 1502 e colonizada a partir de 1556. No município, está instalada a Central Nuclear Almirante Álvaro Alberto, onde funcionam as usinas nucleares Angra 1 e 2 e está sendo construída a Usina Angra 3.

Tradicional folclore As Pastorinhas participará do aniversário de Angra dos ReisPrefeitura de Angra dos Reis

As comemorações se estenderão até o dia 10 de janeiro e envolvem ampla programação cultural e destaque para as tradições populares. Os festejos são coordenados pela Fundação Cultural de Angra dos Reis (Cultuar), com o apoio da Fundação de Turismo (TurisAngra).

Além da tradicional Folia de Reis, haverá apresentação teatral com a peça Viagem à Baia dos Reis, que narra a história do descobrimento de Angra dos Reis, além de 'shows' musicais e o resgate das Pastorinhas, disse o presidente da Cultuar, Délcio Bernardo. ”A festa será para toda a família”, salientou.

A apresentação das Pastorinhas volta à cidade após 20 anos. Semelhante a um auto de Natal, o ato homenageia o nascimento do menino Jesus. Crianças e adolescentes formam o grupo e,  vestidos a caráter, cantam e dançam pelas ruas do município, informou a assessoria de imprensa da Fundação Cultuar.

Nesta terça, véspera do aniversário da cidade, ocorre um espetáculo que contagia os turistas, que é a saída dos grupos de folias de reis pelas ruas, entre os quais Folia de Reis Luz Divina, Folia de Reis Divino Esplendor, Folia de Reis Estrela Guia, Folia de Reis João Alves Filho e Folia de Reis Irmãos Moreira. Eles entoam cantatas e seguem em cortejo até o Palácio Raul Pompeia, sede do governo local, onde, à meia-noite, depois da queima de fogos que celebra o dia 6, haverá apresentação da Banda Jardim Sarmento. Um grande bolo será cortado na ocasião e distribuído à população.

Délcio Bernardo destacou que no dia 6, feriado municipal, quando haverá alvorada festiva pelas ruas do centro, hasteamento de bandeiras, com presença de autoridades, missa festiva e culto de ação de graças. A programação será encerrada no dia 10 de janeiro, com a tradicional corrida dos Santos Reis, cujas inscrições estão abertas no endereço www.angra.rj.gov.br.



Últimas de _legado_O Dia no Estado