Ruy Chaves: Subcidadãos, rendam-se, o Brasil é nosso!

Querer nos derrotar apenas com mídias ufanistas, raquetes eletrocutadoras e repelentes é ofender nossa inteligência

Por O Dia

Rio - Subcidadãos brasileiros, continuem desonrados, apavorados por nossos zumbidos, aguardando a inoculação de nossas seivas armadas com seleção de doenças vergonhosas especialmente dedicadas a vocês! Sou seu novo Senhor, sou Ele, o Cara, o Aedes brasiliensis I, perfeição da raça, Rei, Presidente, Supremo, a resposta a séculos de degradação que impuseram a esta terra privilegiada!

Nossos ancestrais sempre nos falavam da terra originária em que vivíamos em harmonia, mosquitos e índios de diferentes etnias, florestas abundantes, rios e mares cristalinos. Bebíamos o frescor do sangue dos índios, o gosto levemente adocicado em que conseguíamos perceber traços de mandioca e de peixe. Testar o apuro de nossa sensibilidade era a diversão predileta: beber o sangue do mesmo índio e apostar sobre que carnes ele teria comido. Capivara? Macaco? Cobra? Papagaio? Vivíamos tempos idílicos, embora os índios nos detestassem. Neste paraíso, temíamos apenas sapos e pássaros que nos caçavam em êxtase.

Em 1500, nosso mundo foi invadido, e começou a destruição. Farra total com um tal de Cabral e outros gajos que acrescentaram deliciosos sabores à nossa dieta, o bacalhau, o presunto e o vinho. Com o fim do estoque destas maravilhas, logo o sangue dos portugueses ficou com gosto igual ao dos índios, parecia ração de gato. Claro, em 1808 tivemos novas oportunidades com a chegada da corte: quanto sangue delicioso! Mas a tal de civilização trouxe lixo, poluição, doenças, o fim das florestas, o fim da ética.

Subcidadãos, por séculos fomos envenenados por suas muitas doenças! Que sangue de péssima qualidade, coquetéis de vírus e de bactérias! Vocês nos transmitiram pressão alta, diabetes, obesidade, diarreia, alarmantes níveis de colesterol e de triglicerídios. Temos problemas de próstata, de hemorroidas e câncer de pulmão. Estamos morrendo de Aids! Mas vocês perderam a guerra.

Rendam-se e negociaremos uma trégua nas Olimpíadas! Querer nos derrotar apenas com mídias ufanistas, raquetes eletrocutadoras e repelentes é ofender nossa inteligência. Fala sério! Vocês foram competentes para torrar a honra e a riqueza do país com indignidades de toda ordem mas são muito incompetentes para nos derrotar.

Aguardo resposta. Panta rei.

Ruy Chaves é diretor da Estácio e da Academia do Concurso

Últimas de Opinião