Editorial: A saudável aposta na habitação

Está na hora de reagir para a recessão não virar de vez uma depressão

Por O Dia

Rio - Quando se fala em agenda positiva, é preciso ir muito além do discurso e chegar a medidas concretas e práticas. O anúncio de que a Caixa Econômica Federal restabeleceu e ampliou as condições do financiamento imobiliário é uma das saudáveis apostas para tentar tirar o país do atoleiro da crescente recessão.

Como mostrado semana passada pelo DIA, o banco voltará a financiar 70% do valor do imóvel (contra os 50% praticados até então) e facilitará o crédito para a compra de um segundo lar.

As medidas visam a reaquecer a demanda por crédito imobiliário no país, cujo setor da construção civil sofreu grave baque na crise. Quando o principal banco nesse segmento — no ano passado, a Caixa manteve a liderança, com participação de 67,2% na concessão de créditos — anuncia um pacote dessa monta, as perspectivas são bastante positivas.

Está na hora de reagir para a recessão não virar de vez uma depressão. Que a Caixa colha seus frutos.

Últimas de Opinião