Ruy Chaves: Deus, abdução e Organizações Tabajara

Roubaram a riqueza e a alma da nossa gente, nosso futuro e nossos sonhos mais nobres, mas não conseguiram roubar nossa crença em você

Por O Dia

Rio - Deus, tende piedade de nós! Você fez o mundo em seis dias e no domingo, merecidamente, descansou, tarefa extraordinária! Quando fez o Brasil, lembra? Você estava mental e fisicamente esgotado, em crise existencial?

Perdoe, sou seu incondicional admirador, mas do fundo da minha alma absolutamente perdida lamento: você não é mais brasileiro! Por que nos deixou? Ainda está zangado conosco? Claro, ninguém, senão você, tem infinitas responsabilidades sobre o mundo todo, tanto por fazer sempre. Mas olhai por nós, pobres brasileiros, a nação aviltada, nossas crenças e valores em crise de civilização!

Você nos deu terra abençoada, mares, rios, florestas, montanhas, clima fantástico, nos livrou de furacões, vulcões e tsunamis, de terroristas ensandecidos, mas errou a mão ao criar parte de nossa gente. Não somos sua imagem e semelhança, nem seus prediletos.

Parece que somos todos maus, mentirosos, violentos, corruptos, pecadores mortais que usamos seu nome em vão e juramos falsamente por você, negando nossos crimes abomináveis.

Deus, perdão! Você tem muitos filhos brasileiros honrados e que conquistam a vida com trabalho honesto, que educam seus filhos para a virtude e o bem. Mas, tragicamente, há falsos brasileiros que não podem ser verdadeiramente seus filhos.

Eles o renegaram, venderam suas almas ao diabo travestido de empreiteiro ou de empresário sem escrúpulos, desonrando o Pai, a Mãe, o Filho, o Espírito Santo e a Nação. São Filhos das Trevas, estes engravatados vampiros-ratos do mal, insaciáveis sempre!

Deus, depois dos excelentes resultados com as Pragas do Egito e com o Dilúvio, que tal a Abdução desta gente? Convença seres de outras galáxias a desaparecer com estas criaturas sem alma e a submetê-las a procedimentos mentais de complexidade não compreendida pelo conhecimento dos terráqueos.

Se tiverem salvação, após 99 anos, que tal reaparecerem como galinhas? Se não se arrependerem de seus crimes, que estas almas vaguem pelo espaço! Roubaram a riqueza e a alma da nossa gente, nosso futuro e nossos sonhos mais nobres, mas não conseguiram roubar nossa crença em você.

Deus piedoso, socorro! Não permita, como disse um ministro do STF, que o Brasil continue uma Organização Tabajara. Panta rei.

Últimas de Opinião