Mulher é atingida por bala perdida no Complexo da Penha

Policial também foi baleado em ação ocorrida na madrugada desta quinta-feira em conjunto de favelas da Zona Norte

Por O Dia

Rio - Uma mulher foi atingida na perna por uma bala perdida, no conjunto de favelas da Penha, Zona Norte da cidade, na madrugada desta quinta-feira. De acordo com o comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Parque Proletário, policiais foram recebidos a tiros quando faziam patrulhamento na região da Rua 29. Quando descia da viatura, um agente foi atingido por um tiro, dando início a um confronto entre criminosos e policiais. Ninguém foi preso.

O agente e a mulher foram levados para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, onde foram medicados e liberados. Ainda no Parque Proletário, moradores sofrem com falta de luz nesta manhã. Durante o tiroteio, um transformador de energia foi atingido por um tiro. O policiamento foi reforçado na comunidade com policiais deslocados de outras UPPs, do Batalhão de Choque (BPChq), do 16º BPM (Olaria) e do 22º BPM (Maré).

LEIA MAIS:

Policiais militares fazem operação no Complexo do Alemão

Mulher é baleada durante tiroteio no Complexo do Alemão

Adolescente é atingido por tiro na cabeça na porta de casa em Pilares

Uma mulher foi baleada em uma localidade conhecida como Campo do Zé, no Complexo do Alemão, durante um confronto entre bandidos e policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do local nesta quarta-feira. A vitima foi levada até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Alemão e não há informações sobre o seu estado de saúde ou identidade.

Nesta manhã, policiais militares realizam uma operação na favela Nova Brasília, naquele conjunto de favelas. Os agentes utilizam um helicóptero e carros blindados. Até o momento, não há informações sobre presos ou apreensões.

Últimas de Rio De Janeiro