'Foram momentos de pânico', diz mulher que estava em shopping durante tiroteio

Homens tentaram assaltar joalheria e trocaram tiros com policiais no Carioca Shopping, na manhã desta terça-feira

Por O Dia

Rio - Enquanto pagava as compras no caixa de um supermercado dentro do Carioca Shopping, em Vicente de Carvalho, Maria José Pimentel, de 58 anos, foi surpreendida com o barulho do tiroteio que ocorria dentro do centro comercial, na manhã desta terça-feira. Naquele momento, dois bandidos tentavam assaltar uma joalheria e trocaram tiros com a polícia. Os suspeitos e um agente à paisana foram baleados. Um dos acusados foi preso, mas o outro conseguiu ainda fugir mesmo ferido.

LEIA MAIS: Tentativa de assalto termina em tiroteio no Carioca Shopping, na Zona Norte

No entanto, Maria José e os outros clientes do supermercado não sabiam o que estava acontecendo e se assustaram. "Não tínhamos informação sobre nada, fomos pegos de surpresa. Foram momentos de pânico", afirmou.

Ela contou ainda que as pessoas tentaram se proteger e se abaixaram, e o estabelecimento fechou as portas. "Os clientes do shopping correram para dentro do mercado e muita gente passou mal. Muitas pessoas choraram, desesperadas", reforçou a mulher, que estava com o marido na ocasião.

Dois assaltantes e PM à paisana foram baleados no tiroteio dentro do Carioca ShoppingReprodução Twitter

Maria José lembrou ainda que, depois que o tiroteio terminou, os clientes foram retirados do supermercado e levados até a saída do shopping. "Vimos muitos policiais armados do lado de fora, parecia que eles ainda estavam procurando mais assaltantes. Continuamos com medo vendo tudo aquilo. As pessoas foram atendidas do lado de fora pela própria equipe de emergência do shopping", contou.

De acordo com o 41º BPM (Irajá), na manhã desta terça-feira, um segurança percebeu a ação dos assaltantes e reagiu, iniciando um tiroteio dentro do estabelecimento. O policial que também foi atingido estava de folga. A polícia informou ainda que o material que os criminosos retiraram da loja foram recuperados.

Tanto o policial à paisana quanto o assaltante baleado foram levados para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha. Ainda não há informações sobre o estado de saúde deles. O criminoso está sob custódia da polícia na 27ª DP (Vicente de Carvalho).

Segundo a assessoria do Carioca Shopping, o local está funcionando normalmente e todas as informações estão sendo passadas para colaborar com as investigações. O estabelecimento lamentou o ocorrido. Apenas a loja Monte Carlo, que foi assaltada, continua fechada.

Últimas de Rio De Janeiro

'Foram momentos de pânico', diz mulher que estava em shopping durante tiroteio O Dia - Rio De Janeiro

'Foram momentos de pânico', diz mulher que estava em shopping durante tiroteio

Homens tentaram assaltar joalheria e trocaram tiros com policiais no Carioca Shopping, na manhã desta terça-feira

Por O Dia

Rio - Enquanto pagava as compras no caixa de um supermercado dentro do Carioca Shopping, em Vicente de Carvalho, Maria José Pimentel, de 58 anos, foi surpreendida com o barulho do tiroteio que ocorria dentro do centro comercial, na manhã desta terça-feira. Naquele momento, dois bandidos tentavam assaltar uma joalheria e trocaram tiros com a polícia. Os suspeitos e um agente à paisana foram baleados. Um dos acusados foi preso, mas o outro conseguiu ainda fugir mesmo ferido.

LEIA MAIS: Tentativa de assalto termina em tiroteio no Carioca Shopping, na Zona Norte

No entanto, Maria José e os outros clientes do supermercado não sabiam o que estava acontecendo e se assustaram. "Não tínhamos informação sobre nada, fomos pegos de surpresa. Foram momentos de pânico", afirmou.

Ela contou ainda que as pessoas tentaram se proteger e se abaixaram, e o estabelecimento fechou as portas. "Os clientes do shopping correram para dentro do mercado e muita gente passou mal. Muitas pessoas choraram, desesperadas", reforçou a mulher, que estava com o marido na ocasião.

Dois assaltantes e PM à paisana foram baleados no tiroteio dentro do Carioca ShoppingReprodução Twitter

Maria José lembrou ainda que, depois que o tiroteio terminou, os clientes foram retirados do supermercado e levados até a saída do shopping. "Vimos muitos policiais armados do lado de fora, parecia que eles ainda estavam procurando mais assaltantes. Continuamos com medo vendo tudo aquilo. As pessoas foram atendidas do lado de fora pela própria equipe de emergência do shopping", contou.

De acordo com o 41º BPM (Irajá), na manhã desta terça-feira, um segurança percebeu a ação dos assaltantes e reagiu, iniciando um tiroteio dentro do estabelecimento. O policial que também foi atingido estava de folga. A polícia informou ainda que o material que os criminosos retiraram da loja foram recuperados.

Tanto o policial à paisana quanto o assaltante baleado foram levados para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha. Ainda não há informações sobre o estado de saúde deles. O criminoso está sob custódia da polícia na 27ª DP (Vicente de Carvalho).

Segundo a assessoria do Carioca Shopping, o local está funcionando normalmente e todas as informações estão sendo passadas para colaborar com as investigações. O estabelecimento lamentou o ocorrido. Apenas a loja Monte Carlo, que foi assaltada, continua fechada.

Últimas de Rio De Janeiro