Guarda municipal sofre tentativa de estupro e é esfaqueada em Santa Teresa

Agente foi sequestrada quando seguia para a Leopoldina e foi levada para a Estrada das Paineiras. Polícia investiga o caso

Por O Dia

Rio - Uma guarda municipal foi sequestrada, sofreu uma tentativa de estupro e, ao tentar fugir, foi esfaqueada, nesta terça-feira, na Estrada das Paineiras, em Santa Teresa, Região Central do Rio. A agente tinha deixado o trabalho e seguia para a Leopoldina quando foi abordada pelos criminosos. A polícia investiga o caso.

S.C.S, de 29 anos, tinha acabado o seu expediente e deixou o Batalhão de Guardas, em São Cristóvão, e seguia para o ponto de ônibus na Leopoldina, quando foi rendida e a mandaram entrar no carro. Na Estrada das Paineiras houve a tentativa de estupro. Ela tentou fugir e foi esfaqueada duas vezes nas costas. Seus pertences foram roubados.

A guarda, mesmo ferida, conseguiu caminhar e pedir ajuda, sendo socorrida por uma van que levava turistas e levada para uma base da Guarda Municipal. Os companheiros de farda a levaram para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea. Ela passou por cirurgia e seu estado de saúde é considerado estável.

De acordo com o delegado Mario Andrade, titular da 7ª DP (Santa Teresa), as investigações estão em andamento para apurar os fatos. Os agentes realizam diligências para levantar informações e localizar imagens de câmeras de segurança na região. A polícia aguarda a melhora no estado de saúde da vítima para ela ser ouvida.

Últimas de Rio De Janeiro