Jovem morre após ser espancado em baile na Baixada Fluminense

Ele foi atingido por socos e chutes na cabeça, no último sábado, e chegou no Hospital da Posse já inconsciente

Por O Dia

Rio - Espancado por pelo menos sete pessoas no último sábado, durante um balie no bairro da Posse, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, o estudante Yuri Matheus Amaral, de 17 anos, morreu na tarde desta quarta-feira no Hospital da Posse. O rapaz não resistiu aos ferimentos. Ele foi atingido por socos e chutes na cabeça, chegando na unidade já inconsiente.

“Agiram na covardia. Queremos justiça. Era uma pessoa do bem e nunca fez nada de errado. Nem passagem pela polícia tinha”, disse inconformada a irmã do adolescente, Amanda Rafaela Alves de Amaral, 22. 

Jovem morre após ser espancado por sete pessoas no último sábado em um baile funkReprodução

Segundo ela, Yuri saiu de casa no sábado com um irmão e outros dois amigos para ir a uma festa no sítio do Nonot, na Posse. Houve uma confusão e os seguranças do local teriam expulsado os participantes e fecharam o portão do sítio. Do lado de fora, um rapaz teria perdido o boné e teria confundido Yuri como o autor do roubo.

Ele negou, mas foi cercado por sete homens, que o agrediram e o jogaram no chão. “Todos os sete agressores são da Cerâmica, bairro vizinho, e acreditamos que houve um rixa entre os jovens por morarem em locais próximos. Há esta rivalidade, infelizmente. Minha mãe está arrasada”, lamentou Amanda.

Ainda de acordo com ela, no dia do crime foi feito um registro como tentativa de homícidio na 58ª DP (Posse).
Yuri deve ser enterrado amanhã à tarde no cemitério municipal de Nova Iguaçu.

Últimas de Rio De Janeiro