Corpo de frei morto em tentativa de assalto é velado em Petrópolis

Antônio Moser foi baleado por criminosos na BR-040, na altura de Santa Cruz da Serra. Enterro está marcado para as 16h

Por O Dia

Rio - O corpo do frei Antônio Moser, de 75 anos, está sendo velado na manhã desta quinta-feira na Igreja do Sagrado Coração de Jesus, em Petrópolis, na Região Serrana. O religioso foi morto numa tentativa de assalto na BR-040, em Santa Cruz da Serra, nesta quarta-feira.

Ao longo do dia, várias missas serão realizadas em homenagem ao também pároco da Paróquia de Santa Clara. O enterro está previsto para acontecer às 16h no cemitério da cidade serrana.

Seguindo os princípios da Ordem Franciscana a qual pertencia, que pregam a simplicidade, o frei Antônio Moser, de 75 anos, dispensara motorista e segurança. Gostava de dirigir sozinho a descida íngreme da serra de Petrópolis, cidade que escolhera para morar aos 34 anos. 

Segundo a irmão da vítima, Maria Moser, professora aposentada e atualmente freira o frei Antônio era muito próximo a teologia da libertação. Ela conta ainda que a última vez que se viram foi na festa de seus 50 anos como padre. "Ele se importava muito com os pobres e defendia a reforma agrária como forma de diminuir a pobreza no Brasil", disse ela.  

LEIA MAIS: 'Ele cumpriu a missão', diz irmã de frei 

Velório na igreja Sagrado Coração de Jesus%2C em PetrópolisReprodução TV Globo

Frei Antônio já tinha passado pelo pedágio da Rodovia Washington Luís (BR-040), no pé da serra, quando o louvor que ouvia no Honda Civic foi interrompido abruptamente por dois homens em uma moto, que anunciaram um assalto. Assustado, acelerou.

O caso da morte do Frei Antônio Moser está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense. “Estamos analisando câmeras. Peço para as pessoas ajudarem no esclarecimento desse crime bárbaro com denúncias”, disse o delegado Breno Carnevale.

Últimas de Rio De Janeiro