Alerj aprova lei que proíbe instalação de radares em locais escondidos na cidade

Placa indicativa deve ser colocada a, no mínimo, 200 metros de distância do dispositivo. Projeto será encaminhado ao Pezão

Por O Dia

Rio - A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, nesta terça-feira, a proibição de instalação de radares eletrônicos de velocidade em locais escondidos. A medida, proposta pela deputada Lucinha (PSDB), determina que a placa indicativa deverá ser colocada a, no mínimo, 200 metros de distância do dispositivo. Agora, o texto será encaminhado ao governador Luiz Fernando Pezão, que terá 15 dias úteis para sancionar ou não a norma.

“O equipamento deve existir para fiscalizar e monitorar a velocidade, mas o radar tem que ter sinalização visível, porque quando um dispositivo desses fica escondido, ele alimenta a indústria de multas”, explicou Lucinha.

Últimas de Rio De Janeiro