Obra do metrô atinge tubulação da Cedae na Zona Sul e pode faltar água

Moradores de Copacabana, Leme e Ipanema podem sofrer com problemas de abastecimento de água até esta quinta-feira

Por O Dia

Rio - Moradores dos bairros de Copacabana, Leme e Ipanema, na Zona Sul do Rio, podem sofrer com problemas de abastecimento de água até esta quinta-feira. Técnicos da Cedae trabalharam na região para reparar o estrago causado, segundo a empresa, pelas obras na Linha 1 do Metrô, que acabaram atingindo, acidentalmente, a tubulação da companhia.

O incidente ocorreu no fim da tarde de segunda-feira, durante a construção do sistema de drenagem, e deixou parte da região nesta terça-feira sem água. Para conter o vazamento, a equipe da Cedae trabalhou no local e fez uma manobra, na Avenida Epitácio Pessoa, na altura do Corte de Cantagalo, na Lagoa. O trecho foi liberado para iniciar o serviço de reconstrução da área atingida, que deve ter a meia faixa ainda ocupada no início da tarde desta quarta-feira.

Na manhã desta terça-feira, equipes da Cedae iniciaram o reparo, que foi concluído por volta das 18h20, segundo as obras de Expansão da Estação General Osório (Linha 1 do Metrô). De acordo com a companhia de água, durante a execução da obra, o fornecimento para estas regiões foi reduzido. Além disso, os moradores foram orientados a economizar água até a conclusão do serviço.

A assessoria da Cedae informou ainda que pessoas que possuem caixa d’água ou cisternas não devem sofrer problemas com o abastecimento, mas pede que o desperdício seja evitado. Comunidades situadas nas partes das mais altas dos bairros podem ser as mais prejudicadas. A previsão para a normalização é de até 48 horas, a partir de hoje.

Últimas de Rio De Janeiro