Polícia prende dupla suspeita de falsificar visto norte-americano

Casal estava em hotel, no Centro, com vários documentos adulterados. Suspeitos cobravam R$ 17 mil pelo serviço

Por O Dia

Rio - Policiais civis da Delegacia de Defraudações (DDEF) prenderam, nesta segunda-feira, dois homens suspeitos de falsificar visto norte-americano. No momento da prisão, Luival Lopes De Menezes, de 66 anos, e Janete Lopes, de 42 anos, estavam em um hotel, no Centro, com vários documentos adulterados e davam instruções a um casal mineiro que seria entrevistado pelo Consulado dos Estados Unidos para conseguir o visto.

Segundo as investigações, Luival era o responsável por preparar a documentação fraudada para as pessoas que não preenchiam os requisitos exigidos para obter o visto legalmente. A polícia informou que Janete, além de auxiliar na preparação das entrevistas, ensinando os candidatos como deveriam mentir sobre a situação financeira, também recebia em sua conta bancária os valores pagos para a obtenção dos vistos.

De acordo com os policiais, a dupla cobrava R$ 17 mil pelo serviço, sendo sete mil de entrada e o restante após o recebimento dos passaportes já com os vistos. Eles eram investigados pela Delegacia de Defraudações, em parceria com a Polícia do Consulado Americano do Rio, desde dezembro de 2015.

Luival já possui diversos antecedentes criminais por estelionato, uso de documento falso, falsidade ideológica, roubo e formação de quadrilha. O governo americano dará prosseguimento às investigações nos Estados Unidos, visando à prisão dos membros já identificados em território americano.

Últimas de Rio De Janeiro