Família procura jovem desaparecido há quatro dias no Terminal Alvorada

Marcus Alexandria não retornou para casa, em Cosmos, após sair de comemoração em bar com amigos, na Barra da Tijuca

Por O Dia

Rio - Um jovem de 24 anos está desparecido desde a última sexta-feira. Marcus Alexandria não voltou para casa, em Cosmos, após sair de um encontro com amigos na Barra da Tijuca, na Zona Oeste. O caso foi registrado, na tarde desta terça-feira, por seus familiares da 35ª DP (Campo Grande).

Desde o seu desaparecimento familiares e amigos usam as redes sociais para pedir ajuda nas buscas. "Gente, se alguém tiver alguma notícia ou souber do paradeiro do Marcus Alexandria avise, por favor! Ele não aparece desde sexta-feira. Nós, amigos e familiares estamos muito preocupados. Caso o tenha visto, entre em contato pelos telefones (21) 97920.2048 ou (21) 96902.0703", escreveram.

Marcus está desaparecido desde a última sexta-feiraReprodução / Facebook

Em conversa com o DIA, momentos antes de registrar a ocorrência na 35ª DP, Rafaela Alexandria, irmã do universitário, contou que ele saiu da faculdade e foi para um bar acompanhado de amigos. Segundo ela, o rapaz teria mandando um áudio por um aplicativo de telefone dizendo que estaria bem e que depois iria para casa.

Ainda de acordo com Rafaela, após saírem do bar, uma amiga teria dado carona ao rapaz até a estação do BRT na Alvorada, último lugar onde o jovem foi visto.

Higor Dantas, que é amigo de Marcus desde criança, contou que nesta segunda-feira por volta de 14h, ele teria ligado para sua avó dizendo que estava passando mal e que iria procurar uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Ainda segundo o amigo, após esse comunicado, a família no consegue mais falar com ele. 

A irmã e Higor contaram que ele estaria com uma voz "estranha" e não parecia estar bem. A família negou que Marcus Alexandria usasse drogas. No entanto, Rafaela confirma que ele gosta de beber "além da conta".

Procurada, a Polícia Civil não deu um posicionamento sobre o caso até o momento da publicação desta reportagem. 

Qualquer informação que possa levar ao paradeiro do rapaz deve ser repassada ao Disque-Denúncia através do telefone (21) 2253.1177, ou comunicar a própria família pelos telefones(21) 97920.2048 ou (21) 96902.0703.

Últimas de Rio De Janeiro