Ciclovia: MP investiga improbidade na contratação da Concremat pela Geo-Rio

Ministério Público vai apurar circunstâncias da contratação e as condições técnicas eventualmente irregulares ou inadequadas

Por O Dia

Rio - O Ministério Público do Rio (MPRJ), através da 8ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa da Cidadania, instaurou um inquérito civil para apurar possíveis atos de improbidade administrativa na contratação da Concremat, pela Fundação Geo-Rio, para a construção da Ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, que desabou um trecho na última quinta-feira, matando duas pessoas.

De acordo com o MP, a investigação vai apurar as circunstâncias da contratação e as condições técnicas eventualmente irregulares ou inadequadas no contrato. A Promotoria de Defesa da Cidadania esclarece que as responsabilidades civil e criminal não serão apuradas pelo órgão, e sim pelas Promotorias de Justiça com atribuição específica.

A grande pressão sobre as estruturas deveria ser projetada na obra%2C segundo especialistasFernando Frazão / Agência Brasil

LEIA MAIS

Onze operários morreram em obras olímpicas no Rio, segundo relatório

Quase metade dos contratos da Concremat foi emergencial

Chamado de assassino, Paes diz que vai ressarcir famílias de vítimas

Parte da ciclovia de São Conrado desaba na Avenida Niemeyer


Últimas de Rio De Janeiro