Motorista de táxi morre após ser atingido por bala perdida em Niterói

Taxista abastecia o carro em um posto de combustível quando o crime aconteceu

Por lucas.cardoso

O taxista foi baleado enquanto abastecia seu carroReprodução Facebook

Rio - Um motorista de táxi morreu na madrugada deste sábado, atingido por uma bala perdida no bairro de São Francisco, em Niterói, Região Metropolitana do Rio. O taxista, Carlos Alberto Gomes, de 36 anos, abastecia seu táxi em um posto de combustível, na Avenida Rui Barbosa, quando o crime aconteceu.

No momento em que Gomes foi atingido ouviram-se tiros na favela da Grota, situada a cerca de 500 metros do local onde o taxista estava. Segundo o delegado da Fábio Barucke, o fato ocorreu quando caveirão da Polícia Militar passava pelo local, criminosos da comunidade da teriam disparado contra o blindado acertando o taxista que estava próximo. A Polícia Civil está investigando de onde partiu a bala que atingiu o motorista.

Bombeiros do quartel de Charitas foram chamados, mas Gomes morreu antes da chegada dos socorristas. Casado e pai de dois filhos, ele trabalhava como taxista havia dois anos.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia