Por tiago.frederico
Carro utilizado pela dupla para cometer estupros na Zona SulDivulgação

Rio - Moradores da Mangueira, na Zona Norte, dois guardadores de carros, Leonardo Cesar Barbosa do Carmo, de 26 anos, e Alexandre Lemos Pinheiro dos Santos, de 25, foram presos, nesta segunda-feira, naquela comunidade, acusados de estuprar garotas de programa na Zona Sul da cidade.

De acordo com a 12ª DP (Copacabana), um deles abordava as vítimas nas ruas de Copacabana em um Ecosport preto e combinava um programa. Assim que a mulher entrava no carro, o outro homem, que ficava escondido no banco de trás do veículo, a rendia e anunciava o crime.

A mulher era levada até uma rua deserta de Botafogo onde o estupro acontecia. Os criminosos foram reconhecidos pelas vítimas e tiveram a prisão temporária decretada pela Justiça no início da manhã desta terça-feira.

Por roubo e estupro, eles podem pegar até 20 anos de prisão. Mas, de acordo com a delegada Daniela Rebelo, a recorrência do crime pode causar uma pena ainda maior aos agressores.

ESTUPRADOR DE IRMÃS EM SÃO GONÇALO É PRESO

Um homem acusado de estuprar duas irmãs, em São Gonçalo foi preso na última sexta-feira. De acordo com a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) daquela cidade da Região Metropolitana do Rio, o criminoso, de 27 anos, é acusado ainda de sequestro e roubo.

Segundo investigações, ele estava armado no momento em que abordou as mulheres no estacionamento de um supermercado. O homem estuprou as irmãs no interior do carro delas e, após o estupro, seguiu com uma das vítimas até o carro dele, mantendo-a refém, para que pudesse, em seu próprio carro seguir o veículo da outra vítima até a residência da mesmas, empreendendo fuga depois.

Após um trabalho de inteligência, agentes da Deam identificaram o veículo utilizado pelo autor, um Santana Quantum azul escuro, e descobriram que o carro estava estacionado no Complexo da Coruja, comunidade próxima ao local do estupro. Após algumas diligências, a Polícia Civil descobriu que o veículo estava em nome de uma senhora que já havia falecido e que era utilizado pelo filho desta.

Com base nas provas, a delegada pediu a prisão do autor que foi decretada pela Justiça. Ele responderá pelos crimes de estupro, sequestro e roubo.

Você pode gostar