Funcionário de hotel é preso suspeito de fornecer drogas a clientes no Leblon

No apartamento dele, os agentes encontraram ainda cerca de R$ 40 mil, cocaína, celulares e um computador

Por O Dia

Rio - Um funcionário de um luxuoso hotel em Ipanema, na Zona Sul do Rio, foi preso nesta quarta-feira por agentes da Delegacia de Combate às Drogas (Dcod). De acordo com os policiais, o italiano Gaetano Maffizzoli, de 56 anos, é acusado de fornecer drogas para hóspedes, como artistas e turistas. Ele foi capturado quando iria entregar entorpecentes no Leblon, Zona Sul.

Polícia apreendeu cerca de R%24 40 mil com funcionário de hotel no LeblonDivulgação

Segundo o delegado Felipe Curi, titular da Dcod, para fazer o ‘serviço’ de ‘disque-droga’, o italiano utiliza uma moto Ducati, ano 2014 e um Mercedez Benz, ano 2016. Gaetano era conhecido por fornecer uma cocaína de alta qualidade e com um alto grau de pureza e, por isso, era o traficante mais requisitado pela “nata” da sociedade carioca.

De acordo com as investigações da própria Dcod, o italiano exercia a atividade de motorista executivo no hotel. Com isso, ele estabeleceu uma rede de relacionamentos com pessoas de alto poder aquisitivo e usuárias de drogas, ampliando a sua rede de clientes.

No interior do apartamento do italiano, que também fica no Leblon, os agentes encontraram grande quantidade de cocaína pura, além de cerca de R$ 40 mil, um tablet, telefones celulares, notebook, entre outros pertences. Gaetano será indiciado pelo crime de tráfico de drogas.

Últimas de Rio De Janeiro